Apucarana

“Justiça no Bairro” vai alterar trânsito em ruas próximas ao evento

Da Redação ·

Por conta do programa “Justiça no Bairro - Sesc Cidadão”, que acontece neste sábado e domingo (31 de agosto e 1º de setembro), nas dependências do Centro da Juventude e da Escola Municipal Karel Kober, localizados no Jardim Diamantina/Jardim Ponta Grossa, na zona norte de Apucarana, o trânsito de veículos vai estar impedido no trecho entre as ruas Carlos Cavalcanti e Catanduvas já a partir das 15 horas desta sexta-feira (30/08).  “A informação foi repassada pela organização para que os moradores e outras pessoas que necessitarem trafegar pela região neste final de semana já programem caminhos alternativos”, destaca o prefeito Beto Preto (PT). A interdição antecipada é necessária para que toda a estrutura seja instalada no local, uma vez que paralelo ao “Justiça no Bairro”, uma iniciativa do Sistema Fecomércio e Poder Judiciário que conta com apoio da Prefeitura de Apucarana, ao longo de todo o sábado a Rede Paranaense de Comunicação (RPC), através da sua afiliada Rede Globo de Londrina, TV Coroados, irá promover o “RPC na Praça”. No trecho interditado para o trânsito de veículos estão previstas a promoção gratuita de shows com artistas locais e regionais e oferta de brinquedos para as crianças (cama elástica, piscina de bolinha, pipoca, algodão-doce). “Também neste dia, temos a confirmação de que o jornal do meio dia da TV Coroados será apresentado ao vivo do local, marcando a inauguração do sinal HD da emissora em Apucarana e região”, informa o prefeito. O trânsito no local, segundo informações prévias, deverá ser liberado na noite de sábado, após a remoção de toda a estrutura festiva e de atendimento montada. Sobre o evento - O prefeito Beto Preto (PT) destaca que a proposta do “Justiça no Bairro” está afinada com os objetivos prioritários da atual administração, que é atender a população vulnerável economicamente. “Diversos serviços gratuitos vão estar à disposição da população nestes dois dias”, informa o prefeito. A expectativa da organização é de que mais de 9 mil atendimentos sejam feitos como formalização de processos de divórcio, alimentos, guarda e responsabilidade, lavratura de assento de nascimento, reconhecimento de paternidade e de maternidade, reconhecimento de união estável ou dissolução, DNA, retificação de registro civil e interdição judicial, além de confecção de documentos como: carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho, postos de serviço sociais e de saúde. Haverá ainda casamento coletivo, cujas inscrições já encerraram. Institucionalmente, o Justiça no Bairro – Sesc Cidadão é uma ação do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), Ministério Público do Paraná (MPPR), Fecomércio PR (Sesc, Senac, IFPD), com apoio das prefeituras, Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPA), cartórios de registro civil e Instituto Curitiba de Informática (ICI). A participação e gratuita em todos os atendimentos. Mais informações no Sesc Apucarana pelo telefone 3422-1323.

continua após publicidade