Apucarana

Produtos suspeitos de falsificação apreendidos em Apucarana podem chegar a R$ 500 mil

Da Redação ·
Os produtos apreendidos seriam distribuídos em todo o Brasil ao preço de R$ 25,00 a unidade - Foto Delair Garcia/Tribuna do Norte
fonte:
Os produtos apreendidos seriam distribuídos em todo o Brasil ao preço de R$ 25,00 a unidade - Foto Delair Garcia/Tribuna do Norte

Durante a manhã desta quarta-feira (07/08), o Ministério Público de Apucarana (PR) apreendeu cerca de 20 mil bonés supostamente falsificados que reproduziam as marcas New Era e 59FIFTY. Os bonés eram  produzidos em 15 fábricas distintas e três pessoas foram detidas e autuadas em flagrante pela suposta prática do crime de violação do registro de marca. A pena prevista para esse crime é de até dois anos de reclusão. Junto com os bonés foram recolhidos também acessórios e etiquetas. O valor total da mercadoria apreendida foi estimado em R$ 500 mil.
 

continua após publicidade
confira também



Os produtos apreendidos seriam distribuídos em todo o Brasil ao preço de R$ 25,00 a unidade, contra o valor médio de R$ 150 do produto original.  A ação foi coordenada pelo Promotor de Justiça Vilmar Antonio Fonseca, com o apoio reservado da Polícia Militar.  Os produtos apreendidos serão remetidos à perícia técnica e ficarão à disposição do Judiciário, que muito provavelmente decidirá pela destruição dos bonés.

As investigações começaram em março deste ano e, de acordo com o Ministério Público, as empresas fabricavam e comercializam bonés e assessórios  falsificados das marcas pertencentes à empresa norte-americana New Era, a maior fabricante de bonés do mundo, com centenas de registros espalhados em diversos países.

O município de Apucarana fica no centro-norte do estado do Paraná, cerca de 360 km da capital Curitiba. A cidade é conhecida como “capital nacional do boné”, por concentrar várias indústrias produtoras de bonés. 


Leia mais na edição de quinta-feira (8) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná