Apucarana

Apucarana: MP vistoria facções e recolhe produtos supostamente piratas

Da Redação ·
Crédito da foto - Delair Garcia/Tribuna do Norte
fonte:
Crédito da foto - Delair Garcia/Tribuna do Norte

Policiais militares participam nesta quarta-feira (7) de um trabalho de fiscalização e cumprimento de 15 mandados de busca e apreensão coordenado pelo Ministério Público (MP).
 

continua após publicidade
confira também



Em empresa na Avenida Itararé, no Jardim Ponta Grossa (zona norte da cidade), foi apreendida um quantidade significativa de bonés supostamente falsificados.

O proprietário do estabelecimento industrial foi encaminhado à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para prestar os esclarecimentos legais sobre a questão dos dieitos autorais. Em seguida os PMs e o promotor foram vistoriar uma facção na Rua Marcílio Dias, no Núcleo Habitacional Castelo Branco (zona leste da cidade).

continua após publicidade

Depois foi apreendido outro lote de bonés por suspeita de falsificação em fábrica à Rua Clevelândia, na Vila São Carlos (zona oeste da cidade).  "Cerca de 95% dos produtos apreendidos neste estabelecimento apresentam indícios de falsificação de marcas e, portanto, apenas 5% é produção própria", disse o promotor Vilmar Fonseca.

Uma equipe de entidade que luta pela proteção dos direitos autorais, coordenada por Hernes Aranda, acompanhou a operação. Pelo menos três pessoas foram encaminhadas à 17ª SDP para prestar esclarecimentos.


O trabalho de combate a pirataria é coordenado pelo promotor Vilmar Fonseca e deve prosseguir durante todo o dia, conforme informações de fontes do MP.


Leia mais na edição de quinta-feira (8) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná