Apucarana

Beto Woidela obtém alvará de soltura

Da Redação ·

A Justiça concedeu alvará de soltura ao ex-contador da Prefeitura Municipal de Califórnia, Luiz Roberto Woidela, no entanto ele continua preso na segunda unidade de Penitenciaria Estadual de Londrina (PEL II).  Ele é acusado de planejar o atentado contra a prefeita de Califórnia, Ana Lúcia Mazeto. Segundo informações do setor carcerário da PEL II, um problema no sistema eletrônico da unidade prisional impediu sua saída no mesmo na sexta-feira. E até a manhã deste sábado, Beto Woidela continuava preso na unidade. O segundo envolvido no caso, Marcelo Garcia Kanoff, acusado de ser o disparar 15 tiros contra a prefeita, continua preso no Minipresídio de Apucarana. Segundo informações do plantão da 17ª Subdivisão Policial (SDP), não há registro de alvará de soltura em seu nome. Na semana passada, peritos do Instituto de Criminalística de Londrina reconstituíram o crime a pedido da defesa dos réus. O processo, que segue em intrução probatória, não tem data prevista para julgamento.  

continua após publicidade