Apucarana

Mãe de aluno agride professora em sala de aula

Da Redação ·

Uma professora da Escola Estadual Euclides da Cunha, em Matelândia, no Oeste do Paraná, está afastada após um episódio em que foi agredida pela mãe de um aluno. A agressão ocorreu após o aluno chegar atrasado ao colégio e a professora não quis marcar presença para ele. A mãe do estudante teria ido ao colégio e agredido a professora no rosto. Outra professora, durante o caso, alega que também foi agredida pela mãe.

O caso aconteceu nesta semana. De acordo com informações da Delegacia de Polícia Civil de Matelândia, a professora disse que estava na sala de aula quando o aluno chegou atrasado e pediu para a docente registrar a presença dele. Ela disse ainda que o aluno estaria envolvido em tumultos na turma e teria desrespeitado a professora na frente dos demais colegas.

continua após publicidade
confira também

O adolescente então, segundo a Polícia Civil, chamou a mãe até a escola, após a professora se negar a registrar a presença dele. A mulher chegou na sala de aula e, conforme depoimento da docente, teria dado um tapa no rosto dela, que estava sentada, o que fez o óculos da docente cair no chão. Neste momento, conta a Polícia Civil, os demais estudantes e professores tentaram conter a mãe do aluno.

Por causa da confusão, outra professora também teria sido agredida pela mãe do aluno ao tentar conter a mulher. As duas professoras registraram boletim de ocorrência na delegacia do município. Exames médicos pedidos pela Polícia Civil apontaram que a primeira professora teria traços de lesão no nariz.

A mãe do aluno e o estudante também registraram boletim de ocorrências. O adolescente disse, segundo a Polícia Civil, que sofreu agressão da professora quando pediu para que ela registrasse sua presença. A mãe dele alegou que a professora teria a ignorado e, por isso, perdeu a cabeça e brigou com a docente.


As informações são do Bonde