Apucarana

Polícia prende suspeitos de furto e tráfico

Da Redação ·
 Jackson Favil (à esquerda) foi reconhecido por testemunhas como autor de um assalto ocorrido na semana passada
fonte: Delair garcia
Jackson Favil (à esquerda) foi reconhecido por testemunhas como autor de um assalto ocorrido na semana passada

Dois homens foram presos com armas, drogas e produtos furtados durante operação deflagrada ontem (27) pelo Serviço de Inteligência (P2) da Polícia Militar (PM), em Apucarana. A ação aconteceu pela manhã mediante mandados de busca e apreensão. Um dos detidos foi recunhecido por testemunhas de um assalto ocorrido na semana passada.

Com o suspeito de tráfico foram apreendidas 30 pedras de crack, três invólucros de cocaína, cerca de R$ 200 em dinheiro, além de televisores, instrumentos musicais, notebooks, entre outros objetos supostamente furtados. Luis Carlos Siqueira Leite, 19 anos, foi preso em sua residência situada à Rua Maringá, na Vila formosa, conforme a polícia.

A outra prisão aconteceu na Rua Munhoz da Rocha, área central. Na residência de Jackson Favil, 27 anos, a PM encontrou televisores, 20 celulares, cheques de terceiros e um revólver de calibre 38 municiado com seis cartuchos.
Os dois foram encaminhados à 17ª Subdivisão Policial (SDP) e autuados por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Na delegacia, testemunhas reconheceram Favil como sendo autor de um assalto ocorrido na semana passada a uma relojoaria da cidade.

POLÍCIA CIVIL - A Polícia Civil divulgou ontem à tarde balanço da “Operação Liberdade” realizada em todo Paraná. Quatrocentas e quinze pessoas foram presas entre os quais 194 traficantes.

Dados divulgados pela secretaria de Segurança Pública informam que a 17ª Subdivisão Policial de Apucarana registrou 19 prisões. Procurado pela Tribuna, Valdir Abrahão, delegado-chefe da 17ª SDP, não revelou detalhes da operação na região e informou apenas que entre os detidos estão suspeitos de crimes como homicídio, estupro e roubo. 

continua após publicidade