Apucarana

Apucarana doa área para construção de nova escola

Da Redação ·
Prefeito Beto Preto, vice Junior da Femac, com a chefe do NRE, Maria Onide, e o arquiteto João Gilberto Sant´Anna, durante a assinatura do termo de doação da área
fonte: André Veronez/Assessoria de imprensa
Prefeito Beto Preto, vice Junior da Femac, com a chefe do NRE, Maria Onide, e o arquiteto João Gilberto Sant´Anna, durante a assinatura do termo de doação da área

Um processo que ficou emperrado por três anos na Prefeitura de Apucarana, acaba de ser solucionado pelo prefeito Beto Preto. O Município agilizou todos os procedimentos necessários e nesta sexta-feira (22) formalizou a doação de uma área de 6.800 metros quadrados, para que o Estado construa uma nova unidade escolar no distrito de Vila Reis. “Firmamos um compromisso de que Apucarana não iria mais perder obras por decurso de prazo ou por falta de empenho em processos burocráticos e isso já está sendo cumprido”, frisou o prefeito Beto Preto, ao assinar o documento, na presença da chefe do Núcleo Regional de Educação, professora Maria Onide Balan Sardinha, e do arquiteto da Secretaria de Estado da Educação, João Gilberto Sant´Anna.

O secretário de Obras, engenheiro Junior da Femac, explica que a área já pertencia ao município. “Faltavam alguns trâmites para legalização da doação e também uma simples análise de solo pelo Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento, o Idepplan”, revelou, acrescentando que o prazo final para regularizar tudo e não perder a obra terminava neste dia 23 de fevereiro.

A nova escola estadual deve dispor, inicialmente, de doze salas de aula, área administrativa, cozinha, refeitório, laboratórios, biblioteca e uma quadra coberta poliesportiva. “A nossa meta é atender ao menos setecentos estudantes em três períodos, com turmas do 6º ao 9º ano e do ensino médio”, anuncia a professora Maria Onide, chefe do NRE.
O arquiteto João Gilberto Sant´Anna, da Secretaria de Estado da Educação, informa que a obra tem projeto pronto há algum tempo e deve ser iniciada no segundo semestre. “A área construída deve ser de aproximadamente 2 mil metros quadrados, mais mil metros com a quadra poliesportiva coberta”, anuncia Sant´Anna.

Segundo o arquiteto, a escola será edificada numa área densamente povoada, entre o Loteamento Oliveira e um novo empreendimento que está sendo implantado no distrito de Vila Reis. “No futuro, certamente, será preciso ampliar a escola com mais salas e nós já dispomos de uma ampla área para isso”, avalia.

continua após publicidade