Apucarana

Apucarana: Polícia prende suspeitos de latrocínio que vitimou casal

Da Redação ·

Policiais civis de Apucarana cumpriram mandados judiciais no final da madrugada desta terça-feira (5) e prenderam quatro suspeitos de matar um casal com golpes de faca no dia 26 de janeiro em residência situada à Rua Otávio de Sá Barreto, no Jardim Ponta Grossa, nas imediações do Supermercado Econônico, na zona norte de Apucarana. Os quatro tiveram prisões temporárias decretadas por 30 dias, mas negam participação no crime. Conforme a polícia, um dos detidos teria cedido a casa para os outros planejarem e consumarem o crime. Um deles já têm passagem pela polícia. Duas testemunhas também foram ouvidas na 17ª Subdivisão Policial (SDP). O casal de idosos evangélicos da Congregação Cristã do Brasil foi encontrado morto dentro de casa por familiares. Vicente Pereira da Costa, de 73 anos, foi morto com uma pancada na cabeça e facada no pescoço e Maria de Jesus Cota, 66, tinha uma faca de cozinha cravada no pescoço. O corpo de Vicente estava no banheiro e o de Maria no quarto.

continua após publicidade
confira também

A moradia estava toda revirada e os autores do crime levaram dinheiro, diversos objetos e a chave da residência. O caso foi descoberto depois que a nora do casal – uma policial militar de Apucarana – sentiu falta dos sogros no fim de semana e foi até a residência, por volta das 8h de domingo (27), para tentar contato com eles. "Ela viu a senhora jogada e chamou por socorro imediatamente", relatou o soldado Flávio Fachin, da Polícia Militar de Apucarana. Os depoimentos relativos ao latrocínio (roubo seguido de morte) ainda estão sendo prestados na 17ª SDP. Os nomes dos três presos ainda não foram divulgados pela polícia. Leia mais na edição de quarta-feira (6) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná