Apucarana

Apucarana registra 1º caso de dengue em 2013

Da Redação ·
Apucarana registra 1º caso de dengue em 2013
fonte: Arquivo
Apucarana registra 1º caso de dengue em 2013

O Secretário municipal de Saúde de Apucarana, médico Hélio Kissina, e o superintendente de Vigilância Epidemiológica, Agnaldo Aparecido Ribeiro, relataram que o Laboratório Central do Estado (Lacen) confirmou o primeiro caso de Dengue no ano em Apucarana. A paciente, uma senhora de 64 anos, residente no Núcleo Parigot de Souza (zona sul da cidade), apresentou os sintomas da doença quando estava em viagem na residência de parentes, em São Carlos do Ivaí, na região de Paranavaí, onde a saúde pública do Paraná já admite um quadro de epidemia de dengue em quatro municípios. “A notificação foi feita em São Carlos do Ivaí, onde a paciente foi medicada no dia 15 de janeiro e, ao mesmo tempo fez a coleta de amostra para exame”, revelou o secretário Hélio Kissina, explicando que a saúde pública de Apucarana foi comunicada e, de imediato, providenciou o bloqueio em toda a região do Parigot de Souza. O superintendente de Vigilância em Saúde, Agnaldo Aparecido Ribeiro, acrescenta que no final de semana foi realizado mais um reforço de bloqueio no bairro, onde foi detectado o primeiro caso de dengue importado. “Nós providenciamos a pulverização com bomba costal, aplicando larvicida e também o veneno para o mosquito adulto", frisa. Ribeiro fez questão de alertar que o índice de infestação do Aedes Aegypti no Parigot de Souza é de 8,1, enquanto que a média geral na cidade de Apucarana alcança 6,1. Vale lembrar que o índice aceitável, preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), é de apenas 1%. “Todos os cidadãos apucaranenses devem agir com responsabilidade em relação à dengue, reforçando as ações preventivas. Todos podem e devem manter suas quintais limpos, evitando o acumulo de água em vasos, pneus, calhas, caixas e qualquer outro tipo de recipiente”, frisou o secretário Hélio Kissina. No final de semana, vinte agentes de saúde participaram de um mutirão contra a dengue no Distrito de Caixa de São Pedro. Na localidade o índice de infestação também está na casa de 8,1 e gera preocupação entre as autoridades do setor. Durante a mobilização, agentes visitaram todos os domicílios, entregando panfletos e orientando os moradores a evitar focos do Aedes Aegypti. O prefeito Beto Preto se reuniu com Kissina e Ribeiro e exigiu uma dedicação total, no sentido de mobilizar a população e conter os focos e reduzir o índice de infestação do mosquito. “A partir desta semana as ações de prevenção serão ampliadas com mais carros de som nas ruas e mais operações envolvendo os agentes de combate à dengue, e esperamos ter uma resposta positiva dos apucaranenses nesta luta da saúde pública,” ressaltou Beto Preto.

continua após publicidade