Apucarana

Frota cresce e prefeituras da região de Apucarana lucram com IPVA

Da Redação ·
Frota aumenta e prefeitura da região´ lucram com IPVA
fonte: Tribuna do Norte
Frota aumenta e prefeitura da região´ lucram com IPVA

Considerado a ‘salvação da lavoura’ para os novos administradores que estão chegando agora e enfrentam problemas com os cofres praticamente vazios, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), que entra mensalmente nas contas das prefeituras, tem crescido em volume de arrecadação, acima da frota total na região. É o que revela uma pesquisa realizada pela Tribuna com base nos dados da Secretaria da Fazenda e Departamento de Trânsito (Detran), comparando os recursos divididos pelo governo estadual nos últimos cinco para Apucarana, Arapongas, Ivaiporã e Jandaia do Sul.

O aumento da receita, que é atribuído pela Secretaria de Estado da Fazenda à fiscalização mais eficaz, além do crescimento da frota, foi mais expressivo nos últimos anos em Ivaiporã, que registrou um salto de 74% no valor recebido entre 2008 e 2012. A frota, por sua vez, foi elevada em 32,8%. Em janeiro, deste ano, o pagamento já caiu na conta da Prefeitura e soma R$ 79,8 mil.

Segundo informações divulgadas pelo chefe de gabinete da Prefeitura, José Narciso de Melo, os recursos vêm em boa hora e serão destinados para recuperação da malha viária da cidade, que estaria em ‘péssima’ condição.

O segundo maior crescimento na receita foi registro em Jandaia do Sul, com aumento de 59% na arrecadação e de 32% na frota desde 2008 até 2012. Em janeiro foi liberado R$ 41,40 mil para o Município. Para o prefeito Djair Valério, o dinheiro também vai ajudar neste início de mandato para melhorar a sinalização de ruas e avenidas. “Procuramos destinar os recursos que entram com o IPVA na melhoria da infraestrutura viária”, diz.

Apucarana aparece como a terceira com maior crescimento na arrecadação, 52,5%, no período avaliado. Já a frota total cresceu menos, 28,5%. Para este ano, a primeira parte liberada soma R$ 255,9 mil. De acordo com o secretário municipal da Fazenda e Gestão Pública, Marcelo Augusto Machado, sem recursos em caixa, a Prefeitura vai aproveitar a receita para pagar a manutenção das atividades, da folha de salários dos servidores e despesas gerais.

ARAPONGAS
Em Arapongas, o crescimento da arrecadação avançou 45,6% e o volume de veículos total aumentou 31,5%. O pagamento efetuado em janeiro, calculado em R$ 303,2 mil, será d

continua após publicidade