Apucarana

Tribuna adota novo projeto gráfico e editorial

Da Redação ·
 Segundo o editor executivo da Tribuna, Gustavo Marçal Oliveira, os investimentos não mudam o perfil da Tribuna
fonte: Sergio Rodrigo
Segundo o editor executivo da Tribuna, Gustavo Marçal Oliveira, os investimentos não mudam o perfil da Tribuna

Os leitores da Tribuna passam a acompanhar, a partir de hoje, um novo jornal. Fruto de meses de trabalho e pesquisas, o projeto gráfico que passa a ser adotado pelo diário chega aliado a um reforço de peso no conteúdo, com a inserção de colunistas de renome nacional e um tratamento diferenciado às notícias com objetivo de ofertar um produto mais dinâmico e completo aos seus leitores.

Passam a integrar o conteúdo da Tribuna os colunistas Tutty Vasques, Sonia Racy, Dora Kramer e Paulo Coelho, que chegam para contribuir, cada um na sua especialidade, nas áreas de entretenimento e cultura e na análise aguçada da economia e política nacional.

O novo projeto gráfico também implanta uma reorganização do conteúdo, com ampliação do caderno Você, que passa a 6 páginas diárias, abrindo maior espaço editorial para reportagens de cultura e entretenimento, além de trazer uma reformulação completa da revista dominical UAU!.

As mudanças vêm acompanhadas de um novo design gráfico, mais limpo, moderno e adequado aos padrões atuais de leitura dos grandes jornais do país.

O novo projeto, explica o editor executivo da Tribuna, Gustavo Marçal Oliveira, teve como lastro a necessidade de modernização da Tribuna sempre alicerçada nos interesses dos leitores. “Nossa intenção é nos tornarmos referência em qualidade gráfica e editorial no Paraná”, comenta.

Marçal Oliveira reforça que os investimentos não mudam o perfil da Tribuna, um jornal voltado para as prioridades da região e Vale do Ivaí que preza por um conteúdo diferenciado e pela defesa dos interesses regionais. “Com esse novo projeto estamos exatamente criando ferramentas para melhoria do nosso conteúdo, ampliando espaço para a análise da notícia. Estamos qualificando nosso produto, o que é uma tendência de todos os grandes jornais desde a popularização da internet”, explica.


LOGOMARCA
Marçal Oliveira destaca também a mudança da logomarca do jorna, que vinha sendo utilizada sem mudanças significativas ao longo de mais de uma década e já não condizia com o novo projeto.

A nova logomarca foi desenvolvida com objetivo de modernizar o visual do impresso. Apesar da mudança, o vermelho tradicional que marca o diário continua.

“Mudamos, mas não perdemos a identidade visual do produto, o que é importante”, explica.
A Tribuna também inova e passa a usar dois estilos de logomarcas, uma específica para domingo, como forma de valorizar a edição dominical.


MODERNIZAÇÃO
O processo de modernização das páginas da Tribuna vem sendo pensado e planejado desde janeiro deste ano e é parte de um processo de investimentos adotados pelo Grupo Tribuna em todos os setores da empresa, destaca o diretor superintendente da Tribuna do Norte, Baltazar Eustáquio de Oliveira.

“A Tribuna está em um processo constante de modernização e aprimoramento do produto como uma forma de respeito aos nossos leitores e anunciantes”, comenta.

Dentro deste processo, Oliveira destaca a reformulação do departamento de assinaturas da Tribuna, em fase de implantação. “A partir deste mês começa a implantação de um novo departamento de assinaturas na Tribuna, liderada por uma executiva com 15 anos de experiência em grandes jornais que permitirá darmos continuidade ao nosso projeto de ampliação da circulação do jornal”, comenta.

Outro projeto importante em andamento é a aferição de tiragem pelo Instituto Verificador de Circulação (IVC). Um jornal auditado comprova sua circulação paga, um dado fundamental principalmente para anunciantes que reforça a postura da Tribuna de ser transparente com as informações referentes ao produto.

“O principal patrimônio de um jornal não está em instalações ou equipamentos e sim em sua credibilidade junto a leitores e anunciantes. E a Tribuna sempre valorizou e vai valorizar isso”, finaliza.

continua após publicidade