Apucarana

Rotam flagra rapaz com ecstasy em Apucarana

Da Redação ·
Rotam flagra rapaz com ecstasy em Apucarana
fonte: Arquivo
Rotam flagra rapaz com ecstasy em Apucarana
continua após publicidade

Policiais militares de Apucarana realizaram, ontem (27) à noite, a detenção de um rapaz que portava droga pouco comum na região.


De acordo com a PM, André Tavares de Souza Jorge, de 18 anos, foi detido na Rua Rio Tibagi nº 274, no Núcleo Habitacional João Paulo (região oeste da cidade) com um comprimido do alucinógeno sintético conhcido como “ecstasy”.


No momento do flagrante André estava junto com  Renan Ferreira, de 21 anos, com o qual foi encontrada uma porção de maconha.


Os dois foram encaminhados à 17ª Subdivisão Policial (SDP) para as providências legais.


Efeitos - O psiquiatra e médico legista e intensivista Narciso Marque Moure frisa que o ecstasy é uma droga psicoativa que causa inúmeros efeitos indesejáveis, inclusive a morte.


Segundo ele, inicialmente os usuários dessa droga sentem aumento do estado de alerta, maior interesse sexual, sensação de bem-estar, grande capacidade física e mental, euforia e aumento da sociabilização e extroversão.


"Mas após o efeito inicial do ecstasy ocorrem sintomas indesejados, como aumento da tensão muscular e da atividade motora, aumento da temperatura corporal, enrijecimento e dores na musculatura dos membros inferiores e coluna lombar, dores de cabeça, náuseas, perda do apetite, visão borrada, boca seca, insônia, grande oscilação da pressão arterial, alucinações, agitação, ansiedade, crise de pânico e episódios breves de psicose", completa Narciso.