Apucarana

Com a chegada do frio, caem as doações no Hemonúcleo de Apucarana

Da Redação ·

O Hemonúcleo de Apucarana precisa receber uma média mensal de 600 a 700 doações de sangue. Para que isso ocorra, é preciso que ao menos 30 pessoas passem pelo núcleo por dia.

continua após publicidade
 
Com o inverno se aproximando, os funcionários do centro de saúde já sentem a queda no número de doadores em Apucarana. Para contornar esta situação, o Hemonúcleo realiza parcerias com empresas, entidas e organizações. Através de campanhas de conscientização, eles buscam novos doadores.
 
Nesta terça-feira (22) os novos soldados do Corpo de Bombeiros foram levados até o hemonúcleo para doar sangue. O 2° Tenente Emerson Rocha conta que esta iniciativa trata-se de um trote solidário "Trazer os recrutas aqui para doar sangue é para que eles aprendam os valores da nossa profissão. Salvar vidas é muito mais do que o trabalho na ambulância ou combatendo incêndios", salienta.
 
O trabalho no Hemonúcleo nunca pode parar. Liana Lopes Bassi, assistente social da entidade, conta que a busca de novos doadores nunca pode parar "Temos sempre que buscar essas parcerias. Também realizamos outras ações, buscando divulgar o hemonúcleo. Muitas vezes também levamos a unidade móvel para a região, para coletar sangue de doadores do Vale do Ivaí", diz.
 
O Hemonúcleo de Apucarana fica na Rua Antônio Ostrenski, próximo ao Ginásio de Esportes Lagoão. Para obter maiores informações o telefone é (43) 3420 4200.