Apucarana

Após acidentes, PM prende três motoristas por embriaguez ao volante

Da Redação ·
Teste do etilometro indicou 0,31 mg/l.
fonte: Sérgio Rodrigo, da Tribuna do Norte - Diário do Paraná
Teste do etilometro indicou 0,31 mg/l.

A noite de sábado (28) não foi nada boa para três motoristas (dois de Apucarana e um de Cambira) que supostamente ingeriram bebida alcoólica antes de assumir o volante de seus veículos.Eles se envolveram em acidentes de trânsito e em seguida acabaram detidos por embriaguez ao volante.

Conforme a Polícia Militar (PM), às 19h55 de sábado, Nelson dos Santos Fonseca, de 53 anos, foi abordado na Rua Grande Alexandre, na Vila Nova (área sul de Apucarana), depois que o Ford Fiesta placas CXZ-7523 (Apucarana) conduzido por ele se chocou com um carro estacionado. "Durante o procedimento do teste do etilômetro (bafômetro) foi constatado que o motorista do Fiesta estava embriagado, acusando 0,49mg de álcool por litro de sangue. Ele foi encaminhado à 17ª SDP para os procedimentos de praxe", afirmou o tenente Éldison Martins do Prado.

Por volta das 22 de ontem (28), a PM de Apucarana deteve Erisvaldo de Souza , de 58 anos. Policiais relataram que Erisvaldo dirigia o veículo VW Gol placas placas KCV - 0222 (Apucarana) quando respetinamente o carro colidiu com um GM Monza que estava estacionado. Uma equipe da Rádio Patrulha esteve no local do fato e submeteu o motorista do Gol ao teste do bafômetro. "O teste apontou 0,99 mg de álcool por litro de sangue. Diante da evidete embriaguez ao volante, Erisvado acabou detido e levado à 17ª SDP", informou o tenente Prado.

Cambira - Na cidade de Cambira uma motorista também foi preso por suposta embriaguez ao volante, por volta das 23 horas de sábado. Segundo a PM, após uma denúncia anônima dando conta que uma caminhonete Ford Ranger de cor prata havia se chocado com um poste na Avenida Brasil, em frente ao numeral 465, João Marcos Mendonça, de 48 anos, acabou detido.

O motorista do veículo se evadiu do local do acidente, mas durante patrulhamento nas imediações os PMs localizaram e abordaram a caminhonete próximo ao Mercado Sotti, no centro de Cambira. Os policiais perceberam avarias na parte frontal (perto de um dos faróis) e peguntaram a João Marcos Mendonça se o veículo tinha colidido com um poste.

Após ele responder que sim, os PMs notaram que João aparentava sintomas de embriaguez. A PM soliciou auxílio à Guarda Municipal (GM) de Apucarana para submeter o motorista da Ranger ao teste do bafômetro. "Foi constatado que João Marcos estava com 0,67 mg de álcool por litro de sangue.  O veículo dele foi recolhido ao pátio da PM, enquanto João recebeu voz de prisão e foi encaminhado a 17ª de Apucarana para as providências legais", finalizou o tenente Prado.


Punição - No início deste mês a Câmara dos Deputados aprovou projeto que torna mais rígida a Lei Seca, elevando a multa por embriaguez ao volante de R$ 957 para R$ 1.915.

Além da multa, o motorista que for flagrado bêbado está sujeito à suspensão do direito de dirigir por um ano e à retenção do veículo, além de responder na esfera criminal, com pena prevista de seis meses a dois anos de prisão.

continua após publicidade