Apucarana

Médicos continuam sem cumprir horários em UBS de Apucarana

Da Redação ·
PRIMEIROS pacientes chegam antes das 5 horas em posto da zona sul para garantir atendimento
fonte: Delair Garcia, da Tribuna do Norte - Diário do Paraná
PRIMEIROS pacientes chegam antes das 5 horas em posto da zona sul para garantir atendimento

Quem necessita se consultar com um médico da rede pública, em Apucarana, precisa ir às Unidades Básicas de Saúde (UBS) muito antes do nascer do sol. A situação foi constada pela reportagem, que esteve entre anteontem e ontem em duas unidades e em uma delas marcou uma consulta. Quase uma semana depois de matéria publicada na Tribuna, que denunciava o descumprimento do horário dos médicos, a situação não mudou muito.

continua após publicidade


Para não correr o risco de ficar sem consulta, um pedreiro de 60 anos, morador da zona sul, que pediu para não ser identificado, chegou às 4 horas em frente ao posto de saúde visitado na semana passada pela reportagem. Ele só foi atendido às 8h40, depois da médica receber um representante comercial de um laboratório de medicamentos. A situação é semelhante à retratada na matéria. A única diferença foi que desta vez a profissional cumpriu o expediente.

continua após publicidade

Leia mais na edição de sábado (24) da Tribuna do Norte - Diário do Paraná


A conversa com o vendedor dura 13 minutos. Parece pouco, mas não para quem está no aguardo pelo atendimento há pelos 4 horas e meia. A médica gastou mais tempo conversando com o representante do que com seus próprios pacientes. A maioria das consultas não passou de 10 minutos. Às 10h30, todos os pacientes já haviam sido atendidos