10º BPM registra aumento de 45% em chamadas de violência doméstica - TNOnline
Mais lidas

    Apucarana

    Em 2020

    10º BPM registra aumento de 45% em chamadas de violência doméstica

    10º BPM registra aumento de 45% em chamadas de violência doméstica
    Foto por Reprodução
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 05.02.2021, 12:41:58 Editado em 05.02.2021, 12:42:19
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    O Setor de Planejamento e Estatística (P3) do 10°BPM, fechou os dados comparativos entre os anos de 2019 e 2020, em relação ao número de atendimento de situações relacionadas com o crime de Lesão Corporal – Violência Doméstica. 

    Infelizmente os casos aumentaram, porém, segundo o Comandante da 1ªCIA do 10°BPM, Major Vilson Laurentino da Silva, um dos fatores desta elevação, pode ser devido a uma maior divulgação local sobre os direitos das mulheres; incentivo à ajuda especializada e encorajamento em denunciar o agressor. 

    No ano de 2020, o Décimo Batalhão da Polícia Militar fez várias campanhas em parceria da Secretaria Municipal da Mulher e do CAM – Centro de Atendimento à Mulher, e os resultados foram evidentes: as mulheres procuraram mais a ajuda destes órgãos, como mostra a estatística tanto da PM quanto da Secretaria da Mulher.  (Dados referentes apenas a cidade de Apucarana):

    10° BPM:

    2019 – 537 Chamadas recebidas 

    2020 – 781 Chamadas recebidas 

    Aumento de 45%

    2019 – 300 casos consumados

    2020 – 357 casos consumados

    Aumento de 19%

    Secretaria da Mulher: 

    2019 – 237 casos 

    2020 – 362 casos  

    Aumento de 52,74%

    O suporte tanto no momento da Violência Doméstica (PM) quanto no pós atendimento (CAM), estão cada vez mais especializados. No ano de 2020, o 10°BPM criou o POP – Procedimento Operacional Padrão, que ainda está em prática e é uma padronização do atendimento policial militar às mulheres vítimas de Violência Doméstica, dando melhor auxílio e acolhimento, sendo um referencial em nível estadual.

    O CAM, por sua vez, oferece ajuda individual e sigilosa, inteiramente gratuita, realizada por equipe interdisciplinar exclusiva, composta pelas áreas do direito, psicologia e serviço social. 

    Apucarana é uma das sete cidades do Paraná a contar com Instalações Públicas e profissionais exclusivas para atender mulheres em situação de violência doméstica. O Centro de Atendimento à Mulher (CAM), aberto de segunda a sexta-feira das 8h as 17h, fica na Rua Castro Alves, n° 1629 – Jardim América.

    A Polícia Militar lamenta a quantidade de casos registrados, pois entende que nenhuma forma de violência é aceitável. O 10° BPM se coloca inteiramente a disposição das mulheres que passarem por situações como estas. Denúncias devem ser feitas através do 190.  

    Para mais informações sobre o trabalho especializado do CAM, basta ligar no telefone (43) 3422-4479 ou 0800.645-4479. 

    Comunicação Social – 10°BPM.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "10º BPM registra aumento de 45% em chamadas de violência doméstica"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.