-- RASCUNHOS --

Emprestado até abril, lateral Cristovam tem futuro incerto no Guarani

Da Redação ·

Cristovam é um dos atletas em fase final de contrato com o Guarani. O lateral-direito está emprestado pelo Paraná Clube até quinta-feira, mas ainda tem futuro incerto na carreira. O Guarani já iniciou tratativas com o clube paranaense para viabilizar renovação até o final da Série B do Campeonato Brasileiro, mas o impasse ainda cria cenário nebuloso. Inicialmente, o time alviverde adota otimismo na negociação e muito interesse na permanência do camisa 2, cuja contratação foi aprovada pelo técnico Thiago Carpini.

continua após publicidade

A ideia é que siga em Campinas para fazer a 'dobradinha' com Pablo pela ala direita - a estratégia foi usada em alguns jogos do Campeonato Paulista.Nas últimas semanas, o Departamento de Futebol entrou em contato com a cúpula paranaense para discutir a possibilidade de novo acordo. O plano é acertar novo empréstimo mediante pagamento do salário, como já é atualmente."É provável que permaneça até o fim do Campeonato Brasileiro, mas ainda não está nada definido. Até o final desta semana nós teremos uma posição concreta", revelou o empresário Tiago Reinis, que cuida da carreira do atleta.

Cristovam foi contratado pelo time paranaense após o Estadual de 2017, quando foi um dos protagonistas na campanha do acesso ao Campeonato Brasileiro. No momento, o salário é um pouco fora da realidade do clube.O Guarani adota cautela no negócio, mas com certa dose de otimismo. Em Curitiba, não está descartada a possibilidade de o atleta ser repatriado para disputa da Série B, até para não reforçar um 'rival' nos pontos corridos.Nunca é tarde para lembrar que, no Brinco de Ouro da Princesa, Cristovam se sente 'em casa'.

continua após publicidade

Ele optou em continuar no Brasil no começo do ano após ter negócio fechado com o Tractor Club, um dos mais tradicionais do Irã, mas recuou por tensão militar na Ásia.No momento, a equipe dirigida por Allan Aal conta com apenas Paulo Henrique na posição e tem correspondido às expectativas - Rafael França, então emprestado pelo Vasco, será devolvido, o que aumenta necessidade de mais uma alternativa no elenco.O ala tem acordo com o Paraná até o fim deste ano, mas se mostra motivado no clube atual e entusiasmado para disputar a Série B."Pelo Paraná, essa situação não se definiu e nem vai definir.

Isso só será feito quando retomar o futebol. Só vamos ter tratativas sobre renovações com uma posição oficial da CBF, por mais que a nossa relação com o Guarani seja boa", falou o presidente Leonardo de Oliveira."Antes de tudo, estamos esperando a situação da pandemia do novo coronavírus ser resolvida. Ainda não conversamos com o Guarani sobre nenhum molde contratual", finalizou o cartola.

Tags relacionadas: #ESPORTES #Guarani