Mulheres correspondem a 10% das candidaturas às prefeituras da região - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Eleições 2020

Mulheres correspondem a 10% das candidaturas às prefeituras da região

Foto por Divulgação
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O número de mulheres concorrendo às prefeituras da região triplicou neste ano, em comparação com as últimas eleições municipais, em 2016. Apesar do aumento expressivo, os números absolutos ainda são considerados pequenos: de cada dez concorrentes ao Executivo municipal na região, apenas um é mulher.

Dentre os atuais 87 candidatos às prefeituras das 27 cidades da região, nove são mulheres. Em 2016, eram três candidatas, sendo que apenas uma foi eleita. O índice local, de cerca de 10%, fica ligeiramente abaixo da média nacional de 12%.Para Sandra Gasparotti, representante da Comissão das Mulheres Advogadas da OAB de Arapongas, ainda se trata de uma questão cultural. “O mundo político ainda é visto como algo masculino e, sem perceber, há discriminação, inclusive com candidaturas femininas que não recebem apoio ou são fraudadas”, enfatiza. Para ela, o momento é histórico de aprendizado para a sociedade.

“É preciso lembrar que os homens brasileiros já votavam e eram votados em 1532 e as mulheres passaram a gozar desses mesmos direitos apenas 400 anos mais tarde, em 1932”, disse. Por sua vez, a comissão da OAB de Apucarana se reuniu ontem para debater o assunto. “O número ainda é pequeno, mas tem crescido. Agora com a fiscalização com todos os órgãos, além da OAB, queremos despertar a atenção para que elas deixem de ser só um número para os partidos”, disse Franciele Gonçalves, integrante da Comissão das Mulheres Advogadas da OAB Apucarana.

Pela legislação brasileira, desde 2010, as mulheres devem compor no mínimo 30% das candidaturas firmadas pelos partidos para vereador. A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) apresentou trabalho nesta semana, com a presidente da Comissão “Mulheres na Política”, do TER-PR, Adriana Simette, que falou de ações realizadas no estado em preparação às eleições de 2022. “Recorde de candidaturas femininas é resultado de ações práticas para incentivar participação de mulheres na política” foi o título da apresentação.

Deixe seu comentário sobre: "Mulheres correspondem a 10% das candidaturas às prefeituras da região"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.