Apucarana

André Romagnoli defende gestão de diálogo com apucaranenses

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia André Romagnoli defende gestão de diálogo com apucaranenses
fonte: TNOnline
André Romagnoli defende gestão de diálogo com apucaranenses

Encerrando a rodada de entrevistas do TNOnline, o candidato a prefeito de Apucarana André Romagnoli (Republicanos) foi o entrevistado desta sexta-feira (30). Participando de uma disputa eleitoral pela primeira vez, o candidato destacou o diálogo como seu diferencial de proposta de gestão.

continua após publicidade

“Queremos abrir o diálogo com os verdadeiros ‘donos de Apucarana’ que são os apucaranenses, um povo que está sempre inovando, tem um perfil empreendedor e que o poder público deve ouvir e apoiar”, considerou.

Romagnoli garantiu diálogo também com o setor empresarial para geração de emprego e renda. “Quem transforma a cidade são os empresários e empreendedores. Precisamos resgatar o Conselho de Desenvolvimento Econômico de Apucarana (CODEA), trazer os empreendedores para perto da administração, reforçar o conselho e incentivar a participação deles nas tomadas de decisões. Precisamos apoiar os pequenos empreendedores, investir em segurança e estimular a população da região para investir em nosso comércio local”, disse.

continua após publicidade

O candidato também revelou seus projetos para a área da segurança pública. “Sabemos que a competência da segurança do município é compartilhada com o estado, por isso, vamos até junto do governador pleitear aumentos dos efetivos das polícias militar e civil, além de uma completa restauração do nosso IML e buscar soluções para o nosso mini presídio, na busca de uma unidade prisional que recupere, oferendo atividades laborais. Também queremos investir em nossa guarda municipal, aumentando o efetivo, equipando os agentes e instalando câmeras de segurança pela cidade”, afirmou.

Perguntado sobre os planos para a área da saúde, o candidato enfatizou a importância da humanização no atendimento. “Quero ampliar os horários de atendimentos das UBSs para desafogar a nossa UPA, contratando mais médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares, queremos pelo menos 6 unidades atendendo até as 22h. Além disso, queremos construir o centro de atendimento infantil 24h, contratar mais especialistas e aumentar o número de cirurgias eletivas, além de buscar parcerias para ampliar leitos em nosso hospital, buscar investimentos para cuidar e ampliar o que já temos na cidade. A saúde não espera, por isso, também estaremos abertos a parcerias públicas e privadas que queiram investir na cidade, trazendo um novo hospital”, finalizou.