O Curisco na Política

O TIRO SAIU  PELA CULATRA

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia O TIRO SAIU  PELA CULATRA
O TIRO SAIU  PELA CULATRA

A ideia era prejudicar o bom desempenho do prefeito Júnior, então, surgiu um vídeo gravado por um travesti comediante fazendo injúrias contra Júnior.

continua após publicidade

O vídeo bombou rapidamente, mas também foi desmascarado   
 pelo amadorismo dos envolvidos.

O prefeito Júnior agiu rápido e junto com a polícia acabou com a festa.
Chegaram a Valéria, o humorista que gravou o vídeo, que logo entregou quem havia contratado.

continua após publicidade

E pasmem, a contratante é Silmara Vanessa de Souza, uma ajudante de barbearia. Na delegacia Silmara assumiu a culpa, e disse que ideia saiu da sua cabeça,  de fazer um vídeo  brincadeira contra o prefeito.
A mesma deve responder por injúria, segundo a polícia , que agora investiga a participação de mais gente nesta história.

O prefeito Júnior vítima, filho de família tradicional na cidade com mais de 50 anos morando em nossa terra, casado e pai de duas crianças, passou por esse constrangimento moral.

Contudo, este artista, já gravou outros vídeos brincando com  outras pessoas de Apucarana, isso prova que tem mais gente envolvida. No caso Júnior, a ideia era prejudica-lo politicamente, um tiro que saiu pela culatra.

Eu sempre digo, política é para profissionais, quando entra amador na jogada, vira piada.