Fluídos Positivos

Primavera, antes que se vá...

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Primavera, antes que se vá...
fonte: Arquivo pessoal
Primavera, antes que se vá...

Na coluna de hoje, vamos falar da mais bonita estação do ano, a primavera, que está a pouco menos de um mês para dar lugar ao verão. Para mostrar tudo que a primavera pode nos representar e proporcionar, nada como um belo texto da grande poetisa Cecília Meirelles:

continua após publicidade

"A inclinação do sol vai marcando outras sombras,e os habitantes da mata,essas criaturas que ainda circulam pelo ar e pelo chão,começam a preparar sua vida para a primavera que chega.

Finos clarins que ouvimos devem soar por dentro da terra,nesse mundo confidencial das raízes e mensageiros sutis acordarão as cores e os perfumes e a alegria de nascer no espírito das flores.

continua após publicidade

Há bosques de azaleias que eram verdes e já estão todos cor de rosas.Vozes novas de passarinhos começam a ensaiar melodias tradicionais da estação.Pequenas borboletas brancas e amarelas apressam-se pelos ares e certamente conversam baixinhos.

Oh! Primavera distante,depois do branco e deserto inverno,quando as amendoeiras inauguram suas flores alegremente,e todos os olhos procuram pelo céu o primeiro raio de sol.

Esta é uma primavera diferente com matas intactas,as árvores cobertas de folhas e só os poetas,entre os humanos,sabem que uma deusa chega,coroada de flores e vem dançar neste mundo cálido de incessante luz.

continua após publicidade

Algum dia,talvez,nada mais vai ser assim.Algum dia talvez,os homens terão a primavera que desejarem,no momento que quiserem,independentes deste ritmo,desta ordem.

E os pássaros serão outros,com outros cantos,nada mais será aquilo que outrora se entendeu e amou.

Enquanto há primavera,esta primavera natural,prestemos atenção ao sussurro dos passarinhos novos,que dão beijinhos para o céu azul.

continua após publicidade

Escutemos estas vozes que andam nas árvores,caminhemos por estas estradas que ainda conservam seus sentidos antigos.E as flores silvestres acordam com suas roupas de chita multicor.

***

continua após publicidade

REFLEXÃO

Realmente,estamos vendo o que a poetisa em seu belo texto frisou.

Talvez um dia não teremos mais a primavera de outrora,pois o homem vil predador,com sua cegueira espiritual e sua ganância sem fim,está destruíndo nossas matas,nossas florestas e destruíndo nosso ecossistema.

Para gente que assim o procede,a primavera é uma estação como outra qualquer,pouco se importa com sua beleza e a vida que ela nos proporciona,valorizando muito mais a parte monetária das derrubadas das árvores,das queimadas,do garimpo ilegal e milhares de pastagens.

***

Reescrevendo minha Coluna Fluidos Positivos,escrita no Jornal Tribuna do Norte de Apucarana Pr. do dia 14 e 15 de novembro de 2020.