Mais lidas
Ver todos

    Fluídos Positivos

    Jorge Mário Bergoglio: um papa jesuíta e franciscano

    Foto por
    Escrito por Lilian Marçal
    Publicado em 29.01.2020, 16:45:00 Editado em 29.01.2020, 16:49:05
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Nasceu em Buenos Aires, capital da Argentina. Vindo de uma família de imigrantes italianos, sendo o filho mais velho de Mário Giuseppe Bergoglio Vasallo, trabalhador ferroviário, e Regina Maria Sivori Gogna, dona de casa.

    Na juventude,ele enfrentou uma doença respiratória,que lhe fez perder um dos pulmões. Ao ser eleito pontífice,após a renúncia do Papa Bento XVI,em 28 de fevereiro de 2013; Bergoglio escolheu o nome de
    de Francisco,uma referência a São Francisco de Assis,o qual dedicou sua vida totalmente aos pobres.
    Bergoglio,mesmo pertencendo a Companhia de Jesus,fundada por Inácio de Loyola,que tinha como objetivo preparar intelectualmente as elites da sociedade,dentro da doutrina cristã,não deixou que suas características jesuítas,agregada ao seu estilo de vida simples,atrapalhassem sua escolha,
    de também pertencer a Ordem dos Frades Franciscanos,representada aos pobres de São Francisco de Assis.Sendo assim,vemos que sua característica é mais franciscana do que jesuíta.
    Em sua trajetória papal,vemos sua simplicidade em todos os sentidos.
    Principalmente quando excluiu todo glamour,tanto nas vestimentas papal,deixada por Bento XVI.Inclusive pelo belo sapato vermelho, da marca italiana Prada, considerada, um símbolo de luxo e status.
    Francisco e Bento XVI são dois estilos bem diferentes,até na maneira não só das palavras e nos atos, mais na maneira de vestir.
    Outro ponto interessante entre eles é que Francisco, continua usando a mesma cruz de ferro, desde quando era  arcebispo. Ao contrário de Bento XVI, que usou desde o seu primeiro dia de papa, cruzes de ouro, cravejadas de pedras preciosas.
    Outro fato também interessante é o anel de pescador, simbolizando São Pedro, o primeiro papa, que era um simples pescador e apóstolo de Cristo.
    O do papa Francisco, escolheu por ele mesmo,o anel em prata dourada, muito mais simples que o de ouro maciço que usava Bento XVI, como muitos de seus antecessores.
    Geralmente as vestimentas papal, escolhidas por Francisco,são de tons perolados ou brancas. A mesma cor usada por Cristo, simbolizando paz entre suas ovelhas.
    Já Bento XVI, geralmente usava em suas vestimentas, a cor vermelha, simbolizando o sangue derramado por Cristo na Cruz.
    E por aí vai,a diversidade destes dois papas, e de tantos outros, que fizeram parte da história da humanidade.
    Em suas andanças pelo mundo, Francisco,sempre se aproxima das pessoas; independente de raça, status e diversidade religiosa.


    ***
    Entre inúmeras consignações, Papa Francisco,dedicou o Estado do Vaticano a São Miguel Arcanjo.
    E no dia 5 de julho de 2013, a Cidade do Vaticano foi consagrada a São Miguel.
    Durante o ato solene de consagração, o Santo Papa pediu a Miguel que: "Vele por esta cidade e pela Sé Apostólica, para que viva na fidelidade ao Evangelho e no exercício da caridade heroica; imploro para que este Anjo do Senhor, desmascare as insídias do demônio que anda se apoderando das almas inocentes.
    Portanto, vemos quão humilde e querido é nosso papa Francisco. É óbvio,que sempre há aqueles que discordam de alguns fatos envolvendo sua pessoa.
    Infelizmente a humanidade é assim:Nem Jesus agradou a todos?!

    ***
    "Que São Pedro, o fundador da Igreja de Cristo, escolhido para ser o primeiro papa da Igreja, abra as portas do céu, com as chaves do reino de Deus.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    A luta das mulheres por direitos no Brasil, com Aline Rocha e Gabriela Sacchelli

    Deixe seu comentário sobre: "Jorge Mário Bergoglio: um papa jesuíta e franciscano"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

    Lilian Marçal

    Nascida em berço católico, o interesse de Lílian Marçal de Oliveira por assuntos religiosos e místicos aflorou espontaneamente, quando parou de lecionar. Natural de Curitiba, há duas décadas se dedica exclusivamente ao tema. Em sua coluna semanal publicada nos jornais Tribuna do Norte, de Apucarana, e Jornal da Manhã, de Ponta Grossa, sempre aborda a presença desses seres alados, além de escrever sobre outros temas ligados à religião. Lílian também é a autora de “São Miguel Arcanjo - O Defensor dos Filhos da Terra”, lançado em 2014 e Anjos: Mensageiros alados de Deus lançado em 2016. Na referida obra, a pesquisadora demonstra seu apreço por este grande líder espiritual, conhecido em todo mundo, e compartilha seu conhecimento sobre esses seres alados. Os saberes que envolvem essas duas obras contribuem, de sobremaneira, para entender mais sobre esses seres que permeiam o Céu e a Terra.

    Leia mais de Lilian Marçal

    Mais Notícias