Blog do Eliezer Shigueo

Porque plantar uma árvore: a importância do pensamento e longo prazo

Quanto mais novos somos, maior a tendência de pensamento a curto prazo, ignorando prazos mais longos

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Porque plantar uma árvore: a importância do pensamento e longo prazo
fonte: Pixabay\ ilustração

Quanto mais novos somos, maior a tendência de pensamento a curto prazo, ignorando prazos mais longos. Claro que toda a regra possui exceção, mas estatisticamente, a primeira frase do texto é verdadeira. 

continua após publicidade

Ter um pensamento majoritariamente de curto prazo, pode nos fazer tomar decisões erradas, aquelas que te afetarão por um longo período. Por isso falarei nesse texto sobre a importância do pensamento a longo prazo.

Meu Avô foi simplesmente o cara que mais me deu lições da importância de pensar no longo prazo. No sítio que ele tinha, existia todo o tipo possível de fruta: das mais comuns as mais exóticas, cuidadas disciplinadamente por ele. Um dia, estava com ele comprando um pequeno pé de uma fruta e o questionei quanto tempo poderíamos usufruir daquele pé de fruta, ele disse que seria no mínimo uns 8 anos. Com toda ansiedade, disse que era muito tempo. Ele disse que se ele não plantasse, o tempo passaria e ninguém aproveitaria essas frutas.

continua após publicidade

Não me lembro qual era a fruta, tampouco se ele viveu o suficiente para poder comer daquela árvore. O que eu sei, é que passado bastante tempo, aproveito todas as frutas do pomar, junto com minha filha, que naquela época, nem imaginava ter. Quer melhor lição de pensamento a longo prazo do que essa?

Alguns empreendedores e empresários ainda ficam surpresos ao perceber o quanto precisam ser resilientes e persistentes, e criar um pensamento a longo prazo. Afinal, tudo que construímos para ser duradouro precisa ser pensado a longo prazo.

Um investidor arrojado, que investe na bolsa de valores, se tivesse um pensamento imediatista, teria desistido de seus investimentos no primeiro circuit breaker de 2020, e estaria chorando por que dois anos depois, nosso índice ibovespa saltou para 120mil pontos.

continua após publicidade

Aquele nosso amigo, que sempre fala que “vai aproveitar o momento”, não vai poupar nada, porque “não sabe o dia de amanhã”, é um clássico exemplo de um pensador de curto prazo. Está pensando somente no agora, no prazer do momento. Ele pode morrer cedo e terá acertado, mas estatisticamente, se ele não tem nenhuma comorbidade, a chance é que se ele for homem, ele viva até os 76,8 anos (segundo dados do IBGE). Provavelmente, ele vai ser um idoso sem dinheiro e cheio de doenças. 

O estudante que tem como único objetivo tirar a média? porque o tiktok e instagram não vão bombar com ele estudando, ele precisa postar video de dancinhas, ou fotos com os amigos no bar. Curto prazo. O que ele vai colher, será uma dificuldade de entender o mercado de trabalho, não vai se inserir da maneira que ele gostaria, diminuindo seu desenvolvimento profissional e financeiro.  

Dá próxima vez que for tomar qualquer decisão, pense no impacto que ela terá a longo prazo. Crie um pensamento focado em diminuir sua exposição a riscos, e aumentar sua exposição a possíveis fatos positivos. Pense como uma pessoa que planta uma árvore. Seu eu do futuro agradece.

Para mais dicas de pensamento a longo prazo e outras coisas, me siga no instagram @eliezershigueo ou no LinkedIn linkedin.com/in/eliezershigueo. E não esqueça de compartilhar esse texto!