Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mulher perde controle da direção e carro cai dentro de córrego 

Loading...

IVAIPORÃ

Mulher perde controle da direção e carro cai dentro de córrego 

Carro bateu contra um tubo de proteção e caiu de uma altura de seis metros. Foto: Ivan Maldonado

Um grave acidente ocorrido no início da tarde desta terça-feira (11), quase tirou a vida da agente comunitário de saúde, Leidemar Marajolli Rebecca, 51 anos. Ela transitava com um VW Gol pela Rua Romário Martins quando perdeu o controle do carro, bateu contra um tubo de proteção e caiu de uma altura de seis metros dentro do Córrego Pindaúvinha . A motorista foi resgatada de dentro do carro por moradores da região.

Motorista foi socorrida por moradores da região até a chegada dos bombeiros. Foto: Ivan Maldonado

Leidemar foi socorrida pelas equipes do 1º Subgrupamento de Bombeiros Independente, ela sofreu ferimentos médios e foi encaminhada ao Pronto Atendimento Municipal. Não havia testemunhas na hora do acidente, a vítima relatou para os bombeiros que passou mal e perdeu o controle do carro.

Segundo populares que chegaram ao local logo após o acidente, Leidemar só não morreu afogada devido ao resgate rápido. O carro tombou dentro do córrego e a vitima ficou enroscada ao cinto de segurança e com parte da cabeça no espelho d’agua.

O pedreiro Gilberto Ramos Savati, 56 anos que mora em uma rua paralela onde ocorreu o acidente foi o primeiro a entrar na água. “Eu ouvi o baque e vim correndo, e vi o carro dentro do rio. Ela estava com a cabeça dentro água e consegui abrir a porta”, relata Savati.

O pintor Maurilio de Assis, 52 anos que estava próximo ao local quando o acidente ocorreu também ajudou a resgatar Leidemar de dentro do carro. “Eu ia passando sobre a ponte quando ouvi  ela pedindo socorro. Quando cheguei lá, já estava ficando sem força para manter a cabeça levantada. Dai conseguimos cortar o cinto e levar ela para o barranco”, explica Assis.

Ambos permaneceram junto à vítima até o final do resgate ser concluído pelos bombeiros. Apesar do ato, nenhum dos dois se consideram heróis. “Só fizemos o que estava ao nosso alcance”, completa Assis.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 23/02

JOÃO DA ROCHA GREGORIO, 68 anos

BOM SUCESSO 23/02

MARIA APARECIDA DA SILVA, 63 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1905 · 21/02/2017

29 35 43 54 56 57