Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

'Esquema era dez vezes maior', afirma doleiro de Cabral

Loading...

POLíTICA

'Esquema era dez vezes maior', afirma doleiro de Cabral

ITALO NOGUEIRA

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Responsável por devolver US$ 100 milhões atribuídos ao ex-governador Sérgio Cabral (PDMB), o doleiro Renato Chebar afirmou nesta quarta-feira (28) que o esquema do peemedebista "era dez vezes maior".

"O esquema era muito maior. [Eu] Era uma célula dentro do contexto muito maior. O esquema era dez vezes maior", disse o doleiro ao juiz Marcelo Bretas.

Foi a primeira vez que os doleiros, responsáveis por administrar o dinheiro de Cabral no exterior, falaram à Justiça Federal. Eles depuseram no processo que apura o pagamento de propina de US$ 16,5 milhões pelo empresário Eike Batista.

Questionado por Bretas se Cabral tratava da movimentação de dinheiro no exterior com algum constrangimento, Chebar disse que não.

"Era natural. Era um negócio", disse ele.

Renato e o irmão, Marcelo Chebar, reafirmaram as declarações dadas em colaboração premiada ao Ministério Público Federal. Disseram que passaram a prestar o serviço a Cabral desde 2000 até 2016.

Ambos afirmaram que decidiram delatar o esquema temendo desdobramentos da Operação Lava Jato. Numa das fases das investigações, a Polícia Federal apreendeu um extrato da conta Golden Rock, de Eike, identificando o repasse para a Arcadia, dos irmãos Chebar.

"Foi como uma espada sobre as nossas cabeças", disse Renato.

Cabral é acusado de cobrar 5% de propina nos principais contratos do Estado.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias