Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Novo ministro da Justiça diz esperar que cúpula do governo não esteja na lista de Janot

Loading...

POLíTICA

Novo ministro da Justiça diz esperar que cúpula do governo não esteja na lista de Janot

GUSTAVO URIBE E MARINA DIAS

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Em sua primeira entrevista no cargo, o novo ministro da Justiça, Osmar Serraglio, disse nesta terça-feira (7) esperar que a PGR (Procuradoria-Geral da União) não peça abertura de investigação ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra nenhum integrante do governo peemedebista.

A expectativa é de que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresente a lista de nomes nesta semana e, segundo a reportagem apurou, incluirá os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral) e parlamentares do PMDB e do PSDB.

"Eu, pelo menos, não adentrei na possibilidade de envolvimento mais claro [de membros do governo]. E, portanto, não posso ter opinião agora. Espero que ninguém se envolva", disse.

Com a apresentação da lista, o presidente Michel Temer se prepara para enfrentar mais uma semana de desgaste na imagem do governo, cuja aprovação popular segue baixa, de acordo com pesquisas de opinião.

A possibilidade do procurador-geral apresentar pedidos de inquérito contra ministros da cúpula governamental geraram o receio no Palácio do Planalto de que a nova lista afete o ritmo de tramitação da reforma previdenciária e reverbere em manifestações de rua, como a marcada para o dia 26 nas principais capitais do país.

Na entrevista, o novo ministro afirmou ainda que manterá o no cargo o diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello. "Continua no comando e eu já dei essa referência e essa confirmação", disse.

Ele negou ainda que a bancada peemedebista de Minas na Câmara esteja contra a sua nomeação, apesar do vice-presidente da Casa, Fábio Ramalho (PMDB-MG), ter anunciado rompimento com o governo após a escolha de Serraglio.

"Hoje, a bancada está unânime com a gente", disse o ministro.

O presidente deu posse, em cerimônia no Palácio do Planalto, a Serraglio e ao novo ministro de Relações Exteriores, Aloysio Nunes.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias