Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Marqueteiro é condenado a oito anos de prisão por lavagem de dinheiro

Loading...

POLíTICA

Marqueteiro é condenado a oito anos de prisão por lavagem de dinheiro

ESTELITA HASS CARAZZAI

CURITIBA, PR (FOLHAPRESS) - Na primeira sentença da Operação Lava Jato no ano, o juiz federal Sergio Moro condenou nesta quinta-feira (2) o ex-marqueteiro das campanhas presidenciais de Lula e Dilma Rousseff, João Santana, a oito anos e quatro meses de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro.

Sua mulher, Mônica Moura, também foi condenada à mesma pena, oito anos e quatro meses de prisão, pelo mesmo crime.

Durante o processo, o casal admitiu que recebeu em caixa dois, durante a campanha de Dilma Rousseff em 2010, em contas não declaradas no exterior.

O juiz, porém, absolveu o casal da acusação de corrupção passiva.

Além do casal, também foram condenados na mesma ação o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, do ex-gerente da Petrobras Eduardo Musa, do operador Zwi Skornicki e do empresário João Carlos de Medeiros Ferraz, da Sete Brasil.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias