Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Debate entre Crivella e Freixo tem troca de agressões e comentário machista

Loading...

POLíTICA

Debate entre Crivella e Freixo tem troca de agressões e comentário machista

- Atualizado em 19/10/2016 23:11

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O debate entre os candidatos à Prefeitura do Rio, Marcelo Crivella (PRB) e Marcelo Freixo (PSOL), travado na noite da última terça (18), na Rede TV, foi o mais agressivo da disputa até o momento.

Em drástica mudança de tom em relação a debates anteriores, Freixo partiu para o ataque logo no início, questionando Crivella sobre o livro que publicou nos anos 1990 onde o bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus diz que a Igreja Católica e outras religiões cristãs "pregam doutrinas demoníacas" e responsabiliza demônios por condutas como vícios, adultério e opção pela homossexualidade.

Crivella retrucou associando Freixo a black blocs, grupos de mascarados adeptos a atos de vandalismo em manifestações.

Ambos se atacaram sobre seus apoiadores, com Freixo lembrando que Crivella reagiu de forma positiva à declaração de apoio de Carminha Jerominho, ligada à milícia no Rio.

Irritado, Crivella chegou a usar os termos "safado" e "vagabundo" para se referir a Freixo.

"É impressionante o que você é capaz de fazer para obter o poder. No primeiro turno, estávamos conversando sobre os corruptos do PMDB. Disse a muita gente que não votasse em mim e votasse em você. Você é capaz de dizer que um pai de família, senador, tem apoio de milícia. Não vou baixar o nível e dizer que você é safado e vagabundo."

Crivella também acusou Freixo de ser conivente com o tráfico de drogas, ao que Freixo citou a aliança de Crivella com o partido de Anthony Garotinho.

Crivella citou também denúncias de que algumas doações de campanha de Freixo teriam sido, na verdade, dinheiro arrecadado pela ONG Instituto dos Defensores dos Direitos Humanos, que tocou o projeto "Somos Todos Amarildo".

O pedreiro morador da favela da Rocinha desapareceu após ser detido por policiais da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) em 2013. O projeto tinha o objetivo de ajudar sua família.

"Onde está o dinheiro da viúva do Amarildo?", questionou Crivella.

"Este dinheiro foi redistribuído, como é que você faz uma denúncia tão grave como essa sem apurar, como é que pode ser tão irresponsável?", rebateu Freixo.

O clima também foi tenso na plateia. A mediadora Mariana Godoy tentou conter os ânimos dos convidados após os dois trocarem ofensas.

"Peço a gentileza de nossos seguranças, por favor, identificarem as pessoas na próxima manifestação mais alta e, infelizmente, terei que pedir a todos que sejam retirados do local se não conseguirem se comportar, mas acredito que todos aqui somos adultos", disse.

'BELEZA'

Em suas considerações finais, Crivella atribuiu o sucesso de audiência do debate à beleza das mediadoras, as jornalistas Mariana Godoy e Amanda Klein.

"Eu quero agradecer a você, Mariana, e dizer que esse sucesso todo é por causa de vocês. Com certeza, a beleza de vocês encantou os telespectadores e a todos", disse Crivella.

A resposta de Mariana Godoy foi ironizar o comentário: enquanto sua colega fazia os agradecimentos, ela acenou para os telespectadores com um "tchauzinho de miss".

Crivella terminou o primeiro turno com 27,8% dos votos válidos, seguido por Freixo, que obteve 18,37%. De acordo com a pesquisa Datafolha divulgada na última sexta-feira (14), o senador tem 48% das intenções de voto; Freixo registrou 25%.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56