Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Doações feitas por políticos e partidos caíram 59% na comparação com 2012

Loading...

POLíTICA

Doações feitas por políticos e partidos caíram 59% na comparação com 2012

- Atualizado em 11/10/2016 20:20

GABRIEL MASCARENHAS

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Na primeira corrida eleitoral em que as empresas estão impedidas de apoiar financeiramente seus candidatos favoritos, a classe política não foi mais generosa na hora de contribuir com as campanhas em 2016. Políticos e partidos doaram 59% menos em comparação às eleições municipais de 2012.

Ao fim do primeiro turno daquele ano, legendas e políticos haviam desembolsado R$ 3,4 bilhões para os mais variados candidatos no país. O número é bem superior ao R$ 1,4 bilhão verificado até o dia 2 deste mês.

Nessa categoria de contribuições estão os recursos que postulantes a prefeito ou a vereador investiram em suas campanhas, além das doações feitas por partidos e por outros candidatos. O futuro prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), é exceção à regra. Ele usou R$ 2,4 milhões de seu patrimônio para bancar a própria campanha.

Os dados constam no balanço de doações registradas pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ao fim do primeiro turno. Os números referentes a 2012 estão corrigidos pela inflação (IPCA) do período. Ao todo, as campanhas deste ano receberam R$ 2,5 bilhões, 64,1% a menos do que os R$ 7,1 bilhão arrecadados em 2012.

Em valores absolutos, apenas as contribuições pela internet aumentaram no último quadriênio. Passaram de R$ 509 mil para R$ 1,2 milhão. Ainda assim, as doações online representaram somente 0,04% do total deste ano.

A exclusão das empresas da lista de financiadores representou uma perda significativa aos candidatos. Nas últimas eleições municipais, pessoas jurídicas responderam pelo repasse de R$ 1,6 bilhão às campanhas, levando em consideração apenas o primeiro turno.

O cidadão comum também participou menos, mas hoje seus recursos têm outro peso entre os doadores. Na primeira etapa de 2012, pessoas físicas contribuíram com R$ 1,5 milhão -24,5% superior ao R$ 1,1 milhão contabilizado em 2016.

Quatros anos atrás, no entanto, os recursos provenientes de pessoas físicas representavam 21,5% do total. Em 2016, já dizem respeito a 45,4% do montante doado.

Embora se refira ao primeiro turno, os valores tendem a crescer, já que os candidatos ainda podem alterar as prestações de contas entregues à Justiça Eleitoral.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 08/12

ÂNGELO RODRIGUES, 70 anos

CALIFÓRNIA
ENACIR MARIA CARDOSO, 53 anos

JANDAIA DO SUL 08/12

MARIA DO ROSARIO DE SOUZA BORGES, 50 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60