Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Luciano Cartaxo é reeleito em João Pessoa

Loading...

POLíTICA

Luciano Cartaxo é reeleito em João Pessoa

- Atualizado em 02/10/2016 18:35

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O atual prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), foi reeleito para governar a capital da Paraíba no mandato 2017-2020.

Com 80,69% das urnas apuradas, ele obteve 177.832 votos -59,23% do total- e não tem como ser alcançado pelo segundo nome mais bem colocado -Cida Ramos (PDB) conquistou 100.945 votos, ou 33,62% do total.

A eleição de Cartaxo se aproxima dos números divulgados na última pesquisa do Ibope, divulgada no sábado (1º). Considerando apenas os votos válidos -sem brancos e nulos-, o atual prefeito aparecia com 61% das intenções de voto. A candidata Cida Ramos (PSB) vinha em seguida, com 32%.

Luciano Cartaxo nasceu em Sousa, interior da Paraíba, em 1964. Formou-se em Farmácia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Começou sua carreira política na faculdade, quando foi eleito coordenador do centro acadêmico e secretário-geral do DCE (Diretório Central dos Estudantes) da instituição. Por dois mandatos, foi presidente do Conselho Regional de Farmácia.

Filiado ao Partido dos Trabalhadores, em 1996, foi eleito vereador em João Pessoa. Reelegeu-se três vezes seguidas.

Em 2006, foi candidato a vice-governador ao lado do então senador José Maranhão (PMDB). Foram derrotados mas, devido à cassação de Cássio Cunha Lima (PSDB), e de seu vice, José Lacerda Neto, pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em fevereiro de 2009, Maranhão e Cartaxo tomaram posse.

Elegeu-se deputado estadual em 2010 e, dois anos depois, foi lançado como candidato do PT à prefeitura de João Pessoa. Venceu o tucano Cícero Lucena Filho no segundo turno, com 246.581 votos -68,1% do total.

Durante seu primeiro mandato como prefeito de João Pessoa, anunciou sua saída do PT. Em 2016, foi às urnas pelo PSD, com apoio de PMDB e PSDB.

ALÉM DA PREFEITURA

Apesar de Cartaxo conquistar mais quatro ano à frente da prefeitura de João Pessoa, é possível que ele não termine o mandato. Cartaxo deve disputar o governo da Paraíba em 2018.

Para isso, apostou numa estratégia ousada. O primeiro passo foi dado em 2015, quando desfiliou-se do PT. Rompeu com o governador Ricardo Coutinho (PSB) e aproximou-se do PMDB e do PSDB -partidos que historicamente eram adversários na Paraíba. Seu principal desafio será reeditar a aliança em 2018.

A perspectiva de concorrer ao governo cacifou o posto de candidato a vice-prefeito. Na capital paraibana, o deputado federal Manoel Júnior (PMDB) abriu mão de sua candidatura a prefeito para compor com Cartaxo.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 10/12

IZAURA FERREIRA DE ANDRADE, 70 ANOS

ARAPONGAS
CLÁUDIO SILVA, 88 ANOS

IVAIPORÃ
VALDETE CORDEIRO PEREIRA, recém-nascida
MIRIAM PEREIRA DE LIMA, 70 ANOS
CLÓVIS DE ALCÂNTARA BRASIL, 53 ANOS

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60