Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

João Leite mantém liderança em Belo Horizonte, com Kalil na segunda posição

Loading...

POLíTICA

João Leite mantém liderança em Belo Horizonte, com Kalil na segunda posição

- Atualizado em 02/10/2016 07:18

JOSÉ MARQUES

BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) - Os dois primeiros colocados nas intenções de voto pela Prefeitura de Belo Horizonte chegaram às vésperas do primeiro turno sem ter a liderança ameaçada, aponta pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (1º). O candidato do PSDB, João Leite, tem 39% dos votos válidos, e o do PHS, Alexandre Kalil, 23%.

Nesse caso, não são contabilizados os eleitores que dizem votar em branco, nulo e os indecisos. Se o cálculo levasse em conta, Leite e Kalil estariam com 31% e 19%, respectivamente.

Na pesquisa anterior, publicada na terça (27), Leite tinha 32% das intenções de voto e Kalil, 18%. Ambos mantêm vantagem sobre os outros nove candidatos desde o primeiro levantamento, feito em agosto.

Na simulação de segundo turno feita pelo instituto, Leite pontua 48% contra 28% de Kalil.

Os dois concorrentes eram nomes conhecidos na capital mineira quando a disputa começou. O tucano é deputado estadual, tem o apoio do senador e ex-governador Aécio Neves (PSDB) e já concorreu à prefeitura outras duas vezes. Ele também foi goleiro do Atlético-MG nas décadas de 1970 e 80.

Já Kalil é empresário e também tem uma relação próxima ao Atlético: presidiu o clube de 2008 a 2014. O ex-cartola tem dito na campanha que "não é político".

Alvo da maior parte dos ataques dos concorrentes, Kalil tem a maior rejeição (37%), seguido por João Leite (26%).

OUTROS CANDIDATOS

Em terceiro lugar aparece o deputado federal Rodrigo Pacheco (PMDB), com 8% dos votos válidos. O peemedebista, que não havia pontuado na primeira pesquisa, teve a campanha mais cara de Belo Horizonte, segundo registro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) deste sábado, com despesas de R$ 6,7 milhões.

Pacheco está em empate técnico com o deputado federal Reginaldo Lopes (PT), que tem 7%, e o vice-prefeito Délio Malheiros (PSD), com 5%, já que a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Logo abaixo, o deputado federal Eros Biondini tem 4% dos válidos. Outros quatro candidatos pontuaram 3%: os deputados federais Marcelo Álvaro Antônio (PR) e Luis Tibé (PT do B), o estadual Sargento Rodrigues (PDT) e a professora Maria da Consolação (PSOL).

A candidata do PSTU, Vanessa Portugal, tem 1%. A pesquisa Datafolha foi feita nesta sexta (30) e neste sábado, quando foram entrevistadas 1.751 pessoas. O levantamento está registrado no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o protocolo MG-01686/2016.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 08/12

ÂNGELO RODRIGUES, 70 anos

CALIFÓRNIA
ENACIR MARIA CARDOSO, 53 anos

JANDAIA DO SUL 08/12

MARIA DO ROSARIO DE SOUZA BORGES, 50 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60