Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Novo ministro da Justiça diz que PF "continuará com seu trabalho"

Loading...

POLíTICA

Novo ministro da Justiça diz que PF "continuará com seu trabalho"

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O novo ministro da Justiça, Wellington César Lima e Silva, afirmou nesta terça-feira (1º), em entrevista ao sair do ministério, que "a Polícia Federal continuará com o seu trabalho".
Ainda sem ter tomado posse oficialmente, Silva esteve no ministério nesta terça para reuniões internas e deu entrevista à imprensa na saída.
Indicou que não fará mudanças na condução da Polícia Federal, atualmente comandada pelo delegado Leandro Daiello e que causou atritos entre o anterior ministro, José Eduardo Cardozo, e o PT, porque as investigações da Operação Lava Jato atingiram em cheio a cúpula do partido.
Na hierarquia do governo, a PF é subordinada ao Ministério da Justiça.
"As instituições do Brasil estão maduras ao ponto de não sofrerem variações com mudanças nos atores. A Polícia Federal continuará com seu trabalho como vem desenvolvendo até hoje", disse Silva.
Questionado sobre como ficariam os desdobramentos da Operação Lava Jato com a mudança, o novo ministro disse que cabe à PF cumprir as decisões das "autoridades judiciárias".
"Naturalmente a Polícia Federal como Polícia Judiciária cumpre as decisões das autoridades judiciárias. Elas cumprirão essas decisões, como vem acontecendo, e nós do ministério teremos a obrigação de acompanhar e supervisionar o natural andamento disso", afirmou.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias