Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Para Barbosa, mudança em cálculo de dívida terá 'efeito gravíssimo' no país

Loading...

POLíTICA

Para Barbosa, mudança em cálculo de dívida terá 'efeito gravíssimo' no país

GUSTAVO URIBE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Com receio de um impacto bilionário no ajuste fiscal promovido pelo governo federal, o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, criticou nesta terça-feira (1º) decreto legislativo que suspende a troca do indexador da dívida Estados e municípios.
Em reunião com líderes da base aliada da Câmara dos Deputados, o ministro avaliou que a medida causará um "impacto e risco sistêmico" nas contas governamentais e "inviabilizará qualquer ajuda do governo federal a outros entes federativos". Além disso, acrescentou, terá um "efeito gravíssimo na economia".
No encontro, o Palácio do Planalto orientou a base aliada a não aprovar a mudança, que, segundo cálculos do Ministério da Fazenda, poderá causar uma perda ao governo federal de R$ 300 bilhões.
O valor refere-se ao que Estados e municípios deixariam de dever ao Tesouro Nacional. A medida, incluída na pauta desta terça-feira (1) pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), revoga as atuais regras de cálculo das dívidas.
Para o ministro, a iniciativa inviabiliza a troca do indexador da dívida e trava a negociação de alongamento do prazo para pagamento desse passivo.
Em dezembro, o governo federal publicou decreto regulamentando a troca do indexador dos contratos de financiamento.
O indexador das dívidas passou a ser o IPCA, o índice oficial de inflação, mais 4% ao ano, ou, se essa for menor, a taxa básica de juros definida pelo Banco Central. Antes, os débitos eram corrigidos pelo IGP-DI mais juros de 6% a 9%.
A proposta estava na pauta da Câmara dos Deputados da última quinta-feira (25), mas a base conseguiu obstruir a votação. A matéria está na pauta de votação do plenário desta terça-feira (1º).

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 22/02

JOÃO DA ROCHA GREGÓRIO, 68 ANOS
RENATO JOSÉ PAVOLAK, 56 ANOS

APUCARANA 22/02

MARIA DE FATIMA DA SILVA, 63 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1905 · 21/02/2017

29 35 43 54 56 57