Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Movimento pró-impeachment cria site para pressionar parlamentares

Loading...

POLíTICA

Movimento pró-impeachment cria site para pressionar parlamentares

WESLEY KLIMPEL
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O movimento pró-impeachment Vem pra Rua lançou, nesta semana, o Mapa do Impeachment. O site lista quais são os deputados federais e senadores a favor e contra a cassação do mandato da presidente Dilma Rousseff, assim como os que ainda não se decidiram sobre o assunto.
A ideia do movimento, responsável por organizar protestos anti-Dilma, é “criar um instrumento que facilite o contato direto do eleitor com os políticos e cobrá-los por sua posição diante do assunto”, de acordo com o empresário Rogério Chequer, líder do grupo.
Com um mapa interativo, apontando quais congressistas foram eleitos pelos Estados e qual é a opinião de cada um, a plataforma lançada na quarta-feira (24) disponibiliza e-mail, telefones dos gabinetes, páginas do Facebook, perfis no Twitter e outras redes sociais dos políticos.
Nos perfis dos que são contra o impeachment, o site sugere escrever para a pessoa “exigindo que reveja seu posicionamento” e, nos que são a favor, a ideia é entrar em contato “apoiando seu posicionamento”.
A ferramenta, elaborada por cerca de 20 pessoas, entre programadores e designers, cruza dados de fontes como Câmara dos Deputados, Senado Federal, Tribunal Superior Eleitoral, IBGE, Registro.br e redes sociais ­Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
A plataforma também detalha a evolução patrimonial do parlamentar, suas declarações de rendimento à Receita Federal e as empresas que contribuíram para suas campanhas.
Para Chequer, mostrar a evolução patrimonial e quais os bens dos parlamentares podem indicar outras fontes de receita. “As pessoas podem tirar sua própria conclusão de como está acontecendo o jogo de favorecimento político. Se os congressistas tomam decisões por nós, nada mais justo do que sabermos sobre eles”, explica.
O movimento, favorável ao voto distrital, também disponibilizou no site em quais cidades o parlamentar foi mais votado, o que ajuda a saber qual é o reduto eleitoral do político.
“O impeachment é a primeira grande pauta do site. Futuramente, a ferramenta poderá indicar o posicionamento dos políticos em outros temas”, promete o empresário.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias