Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Cunha diz ter 'total' condição de presidir a Câmara, mesmo sendo réu

Loading...

POLíTICA

Cunha diz ter 'total' condição de presidir a Câmara, mesmo sendo réu

DÉBORA ÁLVARES
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Suspeito de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras e apesar de todo o desgaste político, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), reforçou na tarde desta quinta-feira (25) que se sente em condições de permanecer no cargo ainda que o STF (Supremo Tribunal Federal) o torne réu ao julgar as denúncias que recaem contra ele.
O julgamento está marcado para a próxima quarta-feira (2), mas a expectativa dos ministros é que a análise da denúncia oferecida pela PGR (Procuradoria-Geral da República) se estenda por duas sessões.
"Total, total [condições de permanecer na Presidência]. Já fui réu em outra ação aceita pelo Supremo em 2013. O Supremo decidiu por 5 a 3. E depois fui absolvido por unanimidade. Todo mundo tem a presunção. Dou o meu próprio exemplo, já aconteceu comigo de eu ter sido declarado réu e depois absolvido", respondeu Cunha quando questionado.
Ele contudo evitou polemizar quando perguntado se considera o fato de o Supremo ter agendado com brevidade seu julgamento como uma "perseguição".
É dessa forma que o presidente da Câmara tem tratado o caso quando comenta o envio das denúncias que recaem contra si pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF.
Se a acusação da Procuradoria for acolhida pelos ministros, será aberta uma ação penal e o peemedebista vira réu e passa a responder às acusação de corrupção e lavagem de dinheiro.
Como informou a Folha de S.Paulo nesta quarta (24), a expectativa no Supremo é de que a denúncia seja aceita pelos ministros, levando ao debate de outro pedido feito pela Procuradoria: o afastamento de Cunha da Presidência da Câmara por usar o cargo para atrapalhar as investigações contra ele.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias