Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Nas redes sociais, filho de Lula ataca de Moro a Cunha

Loading...

POLíTICA

Nas redes sociais, filho de Lula ataca de Moro a Cunha

GABRIEL MASCARENHAS
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Investigado pela Operação Zelotes por ter recebido R$ 2,4 milhões de um lobista acusado de participar de um esquema de compra de medidas provisórias, Luís Claudio Lula da Silva faz das redes sociais sua trincheira.
A participação do filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Facebook é praticamente diária e, frequentemente, crítica. Entre seus alvos: o juiz federal Sergio Moro; o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ); o delegado da Polícia Federal responsável pela Zelotes, Marlon Cajado; além de adversários políticos do seu pai e a mídia.
Até o início da semana passada, um dos posts trazia uma montagem de Sergio Moro segurando um cartaz: "Contrata-se delatores, com ou sem experiência. Objetivo: acabar com o PT".
Relator do mensalão no STF (Supremo Tribunal Federal), o ex-ministro Joaquim Barbosa é outro que ilustra o perfil, no caso, ao lado de Eduardo Cunha.
Crítica a Sergio Moro
A frase, acima de duas fotos de Barbosa e Cunha, afirma: "Corrupto tem culpa por roubar, mas a Justiça tem mais, por proteger!". Em baixo, a justificativa do texto republicado: "Investigação sobre contas suíças de Cunha estava na gaveta desde 2006". Barbosa esteve no Supremo de 2003 a 2014.
Em 12 de fevereiro, uma semana antes de o governo anunciar a projeção de queda de 2,9% do PIB (Produto Interno Bruto) para 2016, Luís Claudio ironizou análises sobre a situação econômica.
Ele compartilhou um bunner dizendo que na praia "os quiosques estão lotados de crise", o estacionamento do shopping anda "lotado de crise" e as pessoas na fila do restaurante aguardam a "crise desocupar" a mesa.
A Polícia Federal ganhou espaço cativo no Facebook de Luís Cláudio. Ele republicou uma entrevista do deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), assíduo comentaristas dos posts do filho de Lula. Nela, o parlamentar sustenta que PF e o Ministério Público Federal "não disfarçam mais a caçada a Lula".
O delegado Marlon Cajado, responsável pela operação da qual Luis Claudio é alvo, é acusado de exibicionismo. Acima de um link como uma nota do Instituto Lula rebatendo Cajado, o filho do ex-presidente provocou: "Quando a pessoa quer aparecer no plim-plim faz de tudo".
O comentário, no alto de uma nota oficial do Instituto Lula, foi feito no dia em que veio a público o parecer em que Cajado sustenta que a Zelotes investiga a eventual atuação de Lula no esquema de compra de medidas provisórias.
Os veículos de comunicação inspiraram diversas postagens. Quando as notícias retratam escândalos ligados ao PSDB e inimigos políticos do PT, Luís Claudio os compartilha, muitas vezes, comentando as suspeitas de desvios de oposicionistas. As críticas aos veículos são guardadas para reportagens que contenham denúncias sobre integrantes do PT.
Nessa linha, ele compartilhou um texto de uma internauta que diz: "PIG (sigla de Partido da Imprensa Golpista): Sítio frequentado por Lula tem minicristo e pedalinho. Já pensou se tivesse um aeroporto construído com o dinheiro do povo de Minas?", em referência à pista de pouso que funciona dentro do terreno de um parente do senador e ex-governador mineiro Aécio Neves (PSDB).

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

IVAIPORÃ 23/02

MARIA JOSÉ PEREIRA, 90 ANOS
MARTA MARIA DA SILVA OLIVEIRA, idade não divulgada
SEBASTIANA RECHE RIBEIRO, 87 ANOS

APUCARANA 23/02

JOÃO DA ROCHA GREGORIO, 68 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1906 · 23/02/2017

06 27 33 39 40 60