Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pela 1ª vez, oposição lança convocação oficial para ato anti-Dilma

Loading...

POLíTICA

Pela 1ª vez, oposição lança convocação oficial para ato anti-Dilma

MARIANA HAUBERT
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Com o agravamento da crise política e econômica, os partidos de oposição -PSDB, DEM, PPS, SD e PV- decidiram conclamar, pela primeira vez, a população a sair às ruas para protestar contra o governo da presidente Dilma Rousseff.
Nas outras manifestações realizadas ao longo do ano passado, os parlamentares participavam dos atos mas evitavam se posicionar como representantes dos partidos. As siglas também não participavam institucionalmente por considerar que eram movimentos estritamente da sociedade.
Em nota conjunta, as siglas afirmam que o agravamento da crise política, econômica, social e moral levou à decisão de apoiar formalmente as manifestações organizadas por movimentos da sociedade civil, marcadas para 13 de março.
"Convocamos os nossos militantes e simpatizantes e conclamamos brasileiros e brasileiras em todos os Estados e municípios para estarem na rua defendendo o Brasil e a democracia", diz a nota.
Os parlamentares de oposição se reuniram na tarde desta terça (23) na liderança do PSDB no Senado. Após o encontro, o senador Aécio Neves (MG), presidente nacional do PSDB, afirmou que a oposição caminhará junta "na estratégia parlamentar, legislativa e, obviamente, nas ações políticas".
"A constatação de todos, sem exceção, é de que, com Dilma na Presidência da República, o Brasil não encontrará as condições mínimas de retomada do crescimento, de redução do desemprego e de melhoria dos indicadores econômicos que vêm trazendo infelicidade à vida de milhões e milhões de brasileiros", afirmou o tucano.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias