Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Governo revê decreto de renegociação de dívidas com Estados e municípios

Loading...

POLíTICA

Governo revê decreto de renegociação de dívidas com Estados e municípios

MARINA DIAS
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Sob pressão de prefeitos e após revés no STF (Supremo Tribunal Federal), o governo Dilma Rousseff editará novo decreto regulamentando a renegociação das dívidas de Estados e municípios com a União.
O texto deve ser publicado ainda nesta sexta-feira (5) e contemplará as reivindicações levadas ao Ministério da Fazenda pelos dirigentes da FNP (Frente Nacional de Prefeitos).
Na prática, as alterações permitirão a Estados e municípios mais celeridade na adoção do novo indexador das dívidas, dando mais fôlego de caixa às prefeituras e governos estaduais no curto prazo.
O documento estará alinhado, segundo o governo, ao entendimento do corpo jurídico da FNP de que as renegociações dessas dívidas não se tratam de nova operação de crédito, ou seja, o aditamento dos contratos poderá ser feito de forma simplificada e sem burocracia.
Para o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), presidente da FNP, a assinatura dos aditamentos vai ajudar a desafogar os cofres desses municípios. "Há casos em que já há dinheiro a receber. Precisamos finalizar isso para não sobrecarregar ainda mais as contas das cidades", disse Lacerda.
JUSTIÇA
Na semana passada, decisão do STF excluiu a necessidade de autorização legislativa para a renegociação das dívidas. A partir da manifestação da ministra Cármen Lúcia, provocada por ação do PT e do PPS, a Frente Nacional de Prefeitos enviou um ofício de orientação para os 180 municípios que deverão ser beneficiados com a mudança. O documento firmava o entendimento de que, diante dessa decisão, esses aditamentos não configuravam novas operações de crédito.
Com o novo decreto, os municípios ficarão desobrigados das regras estipuladas pela Lei de Responsabilidade Fiscal e pela Resolução 43/2001 do Senado Federal para operações de crédito.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

ARAPONGAS 06/12

VICTOR FUGANTI, 94 ANOS

ANTÔNIO JACOMETO, 81 ANOS

GUILHERME GONÇALVES SOARES, 17 ANOS

APUCARANA 05/12

APUCARANA YOSHIMATSU NIKI, 99 ANOS
JOSÉ BECEL, 80 ANOS
SULINA ANTÔNIO DA SILVA, 82

MEGA SENA

CONCURSO 1882 · 03/12/2016

09 10 19 35 37 41