Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Alckmin ressalta suspeitas sobre governo federal em esquema de merenda

Loading...

POLíTICA

Alckmin ressalta suspeitas sobre governo federal em esquema de merenda

DE SÃO PAULO
(FOLHAPRESS) Em 28/01/2016 18h33

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), destacou nesta quinta-feira (28) que servidores federais também podem estar envolvidos em irregularidades em gastos com merenda escolar.
A Polícia Civil e o Ministério Público Federal deflagraram neste mês a operação Alba Branca, que investiga esquema de pagamento de propina em contratos superfaturados de merenda escolar em pelo menos 22 municípios de São Paulo.
Delator na operação, o ex-presidente da Coaf (Cooperativa Orgânica Agrícola Familiar) Cássio Izaque Chebabi citou o secretário tucano Duarte Nogueira (Logística e Transportes) como beneficiário do esquema de propina.
"Quem diz se a cooperativa está habilitada é o Ministério do Desenvolvimento Agrário. O que observamos é que se trata de uma quadrilha, que começou em outros Estados e chegou a São Paulo. Qual o nosso dever? Investigação séria, rápida, para condenar os culpados, sejam eles quem forem, ou inocentar pessoas honradas", afirmou Alckmin nesta quinta, na posse do novo secretário de Educação, José Renato Nalini.
A menção de Alckmin a cooperativas ocorre porque a investigação apura se houve fraudes nas negociações de servidores com cooperativas agrícolas. Legislação federal prevê que parte da merenda escolar deve ser obtida da agricultura familiar, cuja compra pode ser feita sem licitação.
Questionado sobre o que ele achava da força-tarefa de investigação lançada pelo governo federal para combater fraudes nos gastos com merenda, Alckmin disse ter sido "acertada, pois há suspeita da participação de servidores do Ministério do Desenvolvimento Agrário".
Já Nalini, ex-presidente do Tribunal de Justiça, disse que "a situação da Secretaria de Estado da Educação de São Paulo é muito tranquila. Cumpriu lei federal, chamou apenas quem era certificado. As demais questões estão sendo apuradas em diversas instâncias, Polícia Civil, Ministério Público Estadual e agora em nível federal também. Precisamos fornecer todas as informações, com toda a transparência".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 24/02

MARIA DE OLIVEIRA MARICATO, 74 anos
CACILDA LEITE DE SOUZA, 82 anos

IVAIPORÃ 23/02

MARIA JOSÉ PEREIRA, 90 ANOS
MARTA MARIA DA SILVA OLIVEIRA, idade não divulgada
SEBASTIANA RECHE RIBEIRO, 87 ANOS

MEGA SENA

CONCURSO 1907 · 25/02/2017

03 25 35 38 44 48