Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Trump diz se dar bem com Putin, mas que líder russo teria preferido Hillary

Loading...

GERAL

Trump diz se dar bem com Putin, mas que líder russo teria preferido Hillary

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quarta-feira (12) que se dá "muito, muito bem" com Vladimir Putin, mas que o líder russo teria sido mais feliz com a vitória da democrata Hillary Clinton nas eleições presidenciais de 2016.

"Tem gente que diz: 'Eles [Trump e Putin] não devem se dar bem'. Bem, quem são essas pessoas?", questionou  Trump durante entrevista para a emissora religiosa Christian Broadcasting Network, da Casa Branca. "Acho que nós nos damos muito, muito bem".

Trump e Putin se reuniram pela primeira vez na semana passada durante a cúpula do G20 em Hamburgo, na Alemanha. No encontro que durou 2h16, os presidentes conversaram, entre outras coisas, sobre as acusações de que a Rússia teria interferido nas eleições americanas a favor do republicano.

Para Trump, Hillary não teria investido tanto nas forças militares dos EUA como ele planeja. Portanto, segundo ele, Putin teria ficado mais satisfeito com a democrata ocupando o cargo de presidente.

"Se Hillary tinha vencido, nossos militares seriam dizimados e a nossa energia seria mais cara", afirmou Trump. "Desde o primeiro dia eu quero as forças armadas forte, e ele [Putin] não quer isso."

Apesar da polêmica, Trump afirmou que ambos os países são potencias nucleares "extremamente poderosas" e que, portanto, não faz sentido "não ter algum tipo de relação."

"O encontro [com Putin no G20] foi bom. Ninguém esperava que fosse durar tanto tempo", disse Trump.

IMPEACHMENT

Nesta quarta, um deputado da Califórnia protocolou o primeiro pedido de impeachment contra Trump.

O democrata Brad Sherman acusa o presidente de obstruir as investigações sobre a interferência russa na eleição de 2016, em parte pela demissão do diretor do FBI James Comey.

Em uma Câmara com maioria republicana, o impeachment tem hoje poucas chances de sucesso. Sherman não tem sequer o apoio oficial dos democratas.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias