Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

ATUALIZADA - Inscrições para o Enem 2017 começam nesta segunda; taxa será de R$ 82

Loading...

GERAL

ATUALIZADA - Inscrições para o Enem 2017 começam nesta segunda; taxa será de R$ 82

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Começam às 10h desta segunda-feira (8) as inscrições para o Enem 2017. Os candidatos interessados deverão se inscrever exclusivamente pela internet no site do Enem até às 23h59 do próximo dia 19. Neste ano, a taxa será de R$ 82, segundo edital do exame.

Além da taxa, que teve aumento de 20% em relação a do ano passado, a nova edição terá mudanças no processo de inscrição e no modelo de realização das provas. Pela primeira vez, o Enem deve ocorrer em dois domingos, 5 e 12 de novembro, e não mais em um só fim de semana.

A mudança ocorre após uma consulta pública elaborada pela pasta neste ano, e que teve mais de 600 mil contribuições. A medida também beneficia os sabatistas (pessoas que guardam os sábados), que antes esperavam cinco horas nas salas de aula até o início do exame.

A ordem das provas também mudou: o primeiro dia será reservado às provas de redação, linguagens e ciências humanas, enquanto o segundo terá matemática e ciências da natureza. Até o ano passado, as provas de redação eram aplicadas apenas no segundo dia.

Participantes também devem receber neste ano uma prova personalizada, com nome e número de inscrição impresso no papel. Com isso, não será mais preciso, por exemplo, escrever a cor de cada caderno de questão para preencher o gabarito das provas. No entanto, ainda será preciso escrever uma frase de segurança informada no caderno de questões.

TAXA DE INSCRIÇÃO

Nesta edição do Enem, os candidatos que solicitam isenção da taxa terá que apresentar o número de cadastro no CadÚnico, plataforma do Ministério de Desenvolvimento Social que reúne dados sobre famílias de baixa renda. Já para estudantes concluintes do ensino médio de escolas públicas, que também têm direito à isenção, nada muda.

O instituto também aumentou o rigor com quem solicita a isenção, mas deixa de comparecer às provas. A partir de 2018, candidatos que tiverem solicitado a gratuidade no ano anterior e faltaram nas provas terão que apresentar justificativas para a ausência, sob risco de perder a isenção.

Outra alteração ocorre para alunos que precisam de atendimento especializado e que precisam de tempo adicional para realização das provas. Antes, esse pedido era feito no dia do exame. Agora, a solicitação de tempo adicional deve ocorrer já no momento da inscrição, junto com documento que comprove o motivo do pedido. A medida vale para deficientes, pessoas com deficit de atenção, dislexia, autismo, entre outras condições.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias