Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Expoente do neo-expressionismo, artista A.R. Penck morre aos 77 anos

Loading...

GERAL

Expoente do neo-expressionismo, artista A.R. Penck morre aos 77 anos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O artista alemão A. R. Penck, que liderou o movimento do neo-expressionismo alemão nas décadas de 1970 e 1980, morreu nesta terça (2), em Zurique, aos 77 anos.

Segundo a galeria que o representa, Penck morreu devido a complicações de um acidente vascular cerebral.

Nascido em Dresden, o artista começou a atuar na Alemanha Oriental durante os anos 1960, ao lado de nomes como Markus Lüper e Jörg Immendorff

Suas obras, pinturas e esculturas com dimensão política, logo despertaram a atenção do regime comunista que então vigia no país.

Em 1968, como forma de driblar a vigilância do Estado, ele deixou de usar o nome verdadeiro -Ralf Winkler- e adotou o pseudônimo com o qual se tornou conhecido, pinçado de um geólogo que era pesquisador da Era do Gelo.

São de sua autoria esculturas e pinturas feitas no começo da década de 1970 e que ele batizou de 'Stardarts', uma amálgama entre 'standard' (padrão) e 'arte' e que também ressoava a 'estandarte'. ]

A partir do fim dos anos 1970, as obras de Penck e dos demais membros do movimento do neo-expressionismo alemão ganharam vitrine do outro lado da cortina de ferro, com exposições na Alemanha Ocidental, Inglaterra e outros países capitalistas.

Nos anos 1980, ganharam fama suas pinturas com motivos pictóricos e totêmicos.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias