Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Doria pede a empresa aérea para arcar com reforma de pontes das marginais

Loading...

GERAL

Doria pede a empresa aérea para arcar com reforma de pontes das marginais

DIOGO BERCITO, ENVIADO ESPECIAL

DOHA, QATAR (FOLHAPRESS) - O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), pediu à companhia aérea Qatar Airways que invista na recuperação e manutenção de 19 pontes das marginais do Pinheiros e do Tietê.

A proposta, feita em Doha nesta quinta (16), significaria o aporte de aproximadamente R$ 20 milhões para a reabilitação física, de iluminação e de paisagismo. O pedido inclui também a passarela do aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista.

O prefeito afirmou que a proposta foi "audaciosa". As negociações devem ser formalizadas e conduzidas, a partir de agora, pela embaixada brasileira no Qatar.

Doria diz que a contrapartida não incluirá propagandas nas marginais. A empresa, que tem parte da Latam, seria beneficiada por uma publicidade de boca a boca. A companhia não comentou a perspectiva. "A publicidade das redes sociais será o suficiente. As pessoas vão reconhecer os benefícios e levarão uma imagem positiva da empresa", disse o tucano.

Roberto Abdalla, embaixador do Brasil em Doha, participou do encontro e afirmou que a proposta de Doria é "irrecusável". "A embaixada será o canal entre a prefeitura e o governo do Qatar."

O prefeito reuniu-se, também na manhã desta quinta (madrugada no horário de Brasília), com o fundo de investimentos local QIA. Ele relatou ter havido interesse em projetos no autódromo de Interlagos e no Anhembi.

Doria está na região do Golfo desde o início desta semana para apresentar os 55 lotes de seu programa de privatizações. As pontes nas marginais não fazem parte desse número e foram oferecidas em paralelo.

O prefeito encerra a visita, custeada por um fórum de liderança nos Emirados Árabes e pelo governo do Qatar, nesta sexta (17) e retorna ao Brasil no dia seguinte. Doria ainda planeja levar seu "road show" aos Estados Unidos em maio.

DINHEIRO DAS PRIVATIZAÇÕES

O plano de desestatização de Doria prevê que o dinheiro arrecadado deverá obrigatoriamente ser utilizado em novas obras. De acordo com o projeto, a ser enviado em março para a Câmara Municipal, os recursos obtidos com as concessões e privatizações não serão alocados no caixa comum da prefeitura para evitar que sejam utilizados no custeio da máquina -como salários, aquisição de bens de consumo e manutenção de equipamentos públicos.

O dinheiro irá para um fundo de investimentos, a ser instituído com o objetivo de viabilizar projetos nas cinco áreas consideradas pelo prefeito como estratégicas: saúde, educação, mobilidade urbana, moradia e segurança.

Doria quer, com isso, ao final do processo, poder dizer exatamente o que foi feito com a verba arrecadada. Algo na linha "tínhamos um estádio do Pacaembu, agora temos X creches e X hospitais".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 21/02

CARLOS FRANCISCO DA SILVA, 57 anos
JECYR MASTRO, 91 anos
DULCINEIA RODRIGUES, 37 ANOS
MARIA DE FÁTIMA DA SILVA, 63 ANOS

IVAIPORÃ
ADON SCHMIDT DE OLIVEIRA, 63 ANOS

JANDAIA DO SUL 21/02

GERALDA GARCIA DE OLIVEIRA, 74 anos
CARLOS ORTIS SANCHES, 63 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1904 · 18/02/2017

12 15 18 21 51 56