Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Três pessoas morrem em acidentes nas estradas federais de acesso ao Rio

Loading...

GERAL

Três pessoas morrem em acidentes nas estradas federais de acesso ao Rio

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Três pessoas morreram e 46 ficaram feridas em 40 acidentes registrados nas estradas federais de entrada e saída do Estado do Rio de Janeiro, no período do Réveillon, segundo balanço parcial divulgado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal). As informações são da Agência Brasil.

Entre os dias 30 de dezembro e 1º de janeiro a PRF aplicou 1.748 multas; 1.352 por excesso de velocidade, 248 motivadas pela falta do cinto de segurança por parte do motorista; outras 50 por passageiros que não usavam o cinto de segurança. Os policiais registraram seis autos de infração pela falta de cadeirinha para crianças.

Segundo os dados, foram feitos 745 testes com o bafômetro, que resultaram em 12 autuações por recusa do teste e uma por constatação de alcoolemia. O balanço da PRF indica também a recuperação de sete veículos roubados e dez pessoas presas.

Os números do primeiro balanço divulgado pela Autopista Fluminense, concessionária que explora o trecho Norte da BR-101 entre Niterói e a divisa com o Estado do Espírito Santo, indicam que as três mortes registradas pela PRF, até o momento, ocorreram no trecho norte da BR 101, onde houve 29 acidentes.

Segundo os dados, passaram pela via, no período de Ano Novo, mais de 243 mil veículos e foram contabilizados 732 atendimentos a ocorrências, sendo 468 para atendimentos decorrentes de falhas mecânicas. Mais de 3.400 ligações foram registradas na central 0800 282 0101, para obtenção de informações, solicitação de atendimento na rodovia, sugestões, elogios e reclamações.

Os motoristas que estavam retornando para a capital na manhã desta segunda-feira (2) não encontraram dificuldades, uma vez que não há registro de engarrafamentos. Apesar do trânsito intenso, o fluxo é normal ao longo da rodovia.

O mesmo ocorre na Via Lagos, para os que voltam da região. A dificuldade maior é na praça dos pedágios, onde há pequeno engarrafamento de cerca de 1km, bem como no entrocamento com a BR-101 Norte, na chegada a Rio Bonito e ainda, na saída do município de Itaboraí.

A Via Dutra, que liga a capital do estado à cidade de São Paulo, flui normalmente, apesar de intenso em ambos os sentidos. Também é normal o fluxo nas estradas que ligam a capital e a Baixada Fluminense à Região Serrana.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

ARAPONGAS 24/01

GABRIEL ENOQUE DA SILVA, 87 anos 
MARIA DA SILVA FERREIRA, 81 anos

APUCARANA 24/01

DIVINA MADALENA FERNANDES, 48 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1896 · 21/01/2017

03 06 14 15 21 25