Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

ATUALIZADA - Crivella defende corte de gastos e cita Edir Macedo em discurso de posse

Loading...

GERAL

ATUALIZADA - Crivella defende corte de gastos e cita Edir Macedo em discurso de posse

ITALO NOGUEIRA

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), tomou posse do cargo neste domingo (1º) determinando corte de gastos e cargos comissionados na estrutura municipal. Em seu discurso, agradeceu ao eleitorado evangélico sua vitória e citou o tio, bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal.

Crivella impôs como meta, em edição extra do "Diário Oficial", a redução de 50% no gasto com cargos comissionados e de 25% nos contratos em vigor. O novo prefeito também criou um grupo para identificar casos de supersalários no município.

"As chamadas mordomias são uns dos símbolos mais execráveis de abuso do poder público. Nesse momento de grave crise, é preciso enfrentar essa questão", afirmou em discurso na Câmara Municipal.

Crivella determinou também a auditoria nos gastos dos últimos oito meses de seu antecessor no cargo, Eduardo Paes (PMDB). O objetivo é avaliar se decisões administrativas tomadas pelo peemedebista geraram custos continuados para a nova gestão, o que é vedado por lei. Ele também determinou a análise de todos os contratos celebrados sem licitação ainda em vigor.

O novo prefeito solicitou ainda relatório sobre toda a carteira de investimentos previstos para este ano. Até nova ordem, os gastos com obras estão contingenciados, segundo o decreto que organiza a execução orçamentária.

No discurso, Crivella agradeceu aos eleitores evangélicos por sua eleição. "Segundo os institutos de pesquisa, 90% desses eleitores votaram em mim. Nem nos meus mais otimistas sonhos imaginava isso", afirmou ele, que é bispo licenciado da Universal.

Ele também citou o líder da Universal, Edir Macedo, como autor da "mais linda frase" sobre a família. "Deus é pai, filho e Espírito Santo. Deus é família".

Crivella impôs também metas para setores como saúde, educação e transporte.

O novo secretário de Saúde, Carlos Eduardo (SD), deve apresentar planos para ampliar em 20% o número de leitos do SUS no Rio, para reduzir a fila no atendimento de usuários do sistema e para implantar policlínicas de especialistas -promessas de campanha de Crivella.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 19/02

LAZARO HESS, 61 anos 
LUIZ ANTONIO AMADO, 64 anos

CALIFÓRNIA 19/02

AVELINA RODRIGUES PEREIRA, 87 anos

NOVO ITACOLOMI
SILVANIA MARIA DE ALMEIDA, 69 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1904 · 18/02/2017

12 15 18 21 51 56