Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Governo do Rio não paga, e consórcio para operação de teleférico do Alemão

Loading...

GERAL

Governo do Rio não paga, e consórcio para operação de teleférico do Alemão

- Atualizado em 18/10/2016 15:00

LUIZA FRANCO

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Moradores do Complexo do Alemão, conjunto de favelas na zona norte do Rio de Janeiro, agora têm mais motivos para temer que o teleférico construído lá vire um "elefante branco".

O consórcio contratado pelo governo do Estado para geri-lo, o Rio Teleféricos, diz que o serviço está suspenso por tempo indeterminado. O motivo é a falta de repasse de verbas por parte do Estado, que vive grave crise financeira. O consórcio não recebe desde abril.

O teleférico já estava parado desde o dia 15 de setembro para uma troca de cabos. O governo do Estado dizia que a manutenção levaria seis meses e que depois o serviço seria retomado. Agora não há mais previsão.

O contrato de prestação de serviços foi suspenso a pedido do consórcio. O Estado diz que não tem recursos e que a prioridade é o pagamento dos salários do funcionalismo. "Todos os demais pagamentos são efetuados pela Secretaria de Fazenda de acordo com a disponibilidade de recursos em caixa", diz a pasta.

O consórcio ainda não havia dado início ao processo de troca de cabos, por isso, o teleférico só voltará a funcionar pelo menos seis meses depois de retomados os repasses do governo do Estado.

Inaugurado em julho de 2011, o teleférico foi o primeiro sistema de transporte de massa por cabos no Brasil. Ele foi construído com recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) durante as obras na favela e, atualmente, realiza 9.000 embarques por dia.

De acordo com o governo, o sistema se tornou uma referência turística e de logística do Rio de Janeiro contribuindo para a inserção e transformação social no complexo de 13 comunidades na zona norte

O teleférico tem 3,5 quilômetros de extensão e 152 gôndolas, com capacidade para transportar até oito passageiros em cada uma. A viagem da primeira estação (Bonsucesso) à última (Palmeiras) tem duração média de 16 minutos.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MAUÁ DA SERRA 09/12

CLAUDENIR COELHO SOARES, 35 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60