Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Em tom elogioso, diretora da OMS diz que Brasil faz "o que pode" contra zika

Loading...

GERAL

Em tom elogioso, diretora da OMS diz que Brasil faz "o que pode" contra zika

FLÁVIA FOREQUE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Diante da epidemia de zika no país - e do aumento de casos de microcefalia - a diretora-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), Margaret Chan, elogiou as ações adotadas pela presidente Dilma Rousseff no combate ao mosquito Aedes Aegypti.
De passagem pelo Brasil a convite do governo, Chan afirmou estar "muito impressionada" com a mobilização do Palácio do Planalto, elogiou a "transparência" do Brasil em compartilhar informações sobre a doença com a entidade e minimizou o impacto da doença na realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, em agosto.
"Eu gostaria de reassegurar a vocês: estamos em fevereiro, e os Jogos Olímpicos são em agosto. O governo está trabalhando () para garantir que as pessoas que venham para os jogos como visitante, participante ou atletas tenham a máxima proteção que precisam [contra a doença]. Eu estou confiante de que o governo fará isso", disse em declaração à imprensa.
Chan ponderou que, a partir da experiência com doenças como dengue e chikungunya, deve-se prever um aumento de casos de zika no país. "Devemos esperar que isso seja uma longa jornada, mas a liderança e o compromisso do governo da presidente Dilma Rousseff e do ministro da Saúde são louváveis. Estamos aqui para apoiá-los, de forma a embarcar nessa jornada juntos".
"EMPOWER WOMEN"
Em sua fala, Chan ponderou que a imprensa tem um papel crucial em informar o público, especialmente feminino, sobre a doença. "Vocês têm um papel essencial de levar informação à população, para que a população, em particular as mulheres, sejam empoderadas a tomar as decisões certas", afirmou.
No início do mês, o Alto Comissariado da ONU para Direitos Humanos defendeu, diante da epidemia de zika na região, que os chamados direitos reprodutivos da mulher sejam garantidos, incluindo a descriminalização do aborto.
As declarações de Chan ocorreram após longo encontro com a presidente Dilma no Palácio do Planalto. Depois da agenda, ela visitou o Cenad (Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres), na companhia de ministros do governo.
Sem espaço para questionamentos da imprensa, Chan elogiou a postura da presidente Dilma diante do tema: "Eu nunca vi uma mobilização tão grande como essa por um presidente de um país. Em termos de escala, compreensão e coragem de lidar com um desafio tao difícil".
A diretora-geral da OMS ponderou em seguida: "Entendo a preocupação e ansiedade da população brasileira, mas é importante notar que isso pode se tornar uma oportunidade de mostrar o que o Brasil pode fazer. Sim, o mosquito é um grande inimigo, mas quando o governo e toda a comunidade estão unidas, o governo é sempre maior, e esse desafio pode ser superado."

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 19/02

LAZARO HESS, 61 anos 
LUIZ ANTONIO AMADO, 64 anos

CALIFÓRNIA 19/02

AVELINA RODRIGUES PEREIRA, 87 anos

NOVO ITACOLOMI
SILVANIA MARIA DE ALMEIDA, 69 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1904 · 18/02/2017

12 15 18 21 51 56