Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Argentina quer agência de inteligência latino-americana contra narcotráfico

Loading...

GERAL

Argentina quer agência de inteligência latino-americana contra narcotráfico

GUSTAVO URIBE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A vice-presidente da Argentina, Gabriela Michetti, defendeu nesta terça-feira (23) a criação de um serviço de inteligência latino-americano para intercâmbio de informações entre os países que integram o Mercosul.
Em encontro com o vice-presidente do Brasil, Michel Temer, ela afirmou que uma estrutura internacional ajudaria no combate ao narcotráfico nas regiões de fronteira, problema enfrentado por todos os países que integram o bloco comercial.
Na reunião, promovida no Palácio do Itamaraty, a vice-presidente também defendeu o estabelecimento de um tribunal penal latino-americano para julgar crimes fronteiriços.
A proposta já é discutida no âmbito da Unasul (União de Nações Sul-Americanas) e foi sugerida inicialmente pela Procuradoria-Geral do Equador. A ideia é que julgasse não apenas questões de direitos humanos mas também casos envolvendo organizações criminosas transnacionais.
"Há a necessidade de estabelecermos um trabalho conjunto nas fronteiras na América do Sul. E a vice-presidente sugeriu a possibilidade um tribunal penal latino-americano ou pelo menos em alguns países da América Latina que pudesse cuidar desse assunto", relatou Michel Temer.
A vice-presidente, que é também presidente do Senado da Argentina, anunciou ainda que o país vizinho criará uma comissão parlamentar binacional com o Brasil para expandir as relações comerciais e diplomáticas entre as duas nações.
Segundo ela, a estrutura parlamentar já existe na Argentina em relação ao México e ao Chile. "No novo governo, a Argentina quer aproximar-se do Brasil com muita humildade e disposição para estabelecermos a relação afetiva que mantivemos nos últimos anos", disse.
No encontro, o vice-presidente avaliou que um acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia está próximo de ser efetivado e defendeu a criação de um cronograma de negociações com a Argentina para aumentar progressivamente o livre comércio entre os dois países no setor automotivo.
Além de se encontrar com Temer, Gabriela Michetti se reunirá nesta terça-feira (23) com a presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias