Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Chanceler francês anuncia saída do governo e critica EUA sobre Síria

Loading...

GERAL

Chanceler francês anuncia saída do governo e critica EUA sobre Síria

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O chanceler francês, Laurent Fabius, anunciou nesta quarta (10) que está deixando o governo de François Hollande. Sua saída, que já vinha sendo especulada há alguns dias, faz parte do plano de reforma ministerial que Hollande deve concluir até o fim da semana.
O presidente propôs, formalmente, nesta quarta, o nome de Fabius para assumir o Conselho Constitucional, principal corte da França. Fabius, 69, estava à frente da diplomacia francesa desde 2012.
Em conversa com jornalistas após o anúncio da saída, ele criticou a política "ambígua" dos EUA em relação à Síria. "Há ambiguidades, inclusive entre os atores da coalizão (...) Não vou repetir o que disse antes sobre o principal comandante da coalizão", disse Fabius, em referência a Washington. "Não sentimos que há um comprometimento muito forte."
Fabius, cujo país tem sido um importante aliado para a oposição síria, diz que esse comportamento tem contribuído para piorar a situação no país.
"Não tenho tanta certeza de que o fim do mandato do Sr. Obama vai fazê-lo agir como seu ministro diz [publicamente]", disse, em referência ao secretário de Estado, John Kerry. O secretário americano está tentando conseguir um cessar-fogo e aumentar o acesso à ajuda humanitária antes de um encontro em Munique para discutir a crise síria nesta semana.
"Há palavras, mas ações são diferentes e, obviamente, os iranianos e os russos percebem isso", afirmou Fabius. A Rússia e o Irã tem apoiado as forças de Bashar al-Assad no combate aos grupos de oposição.
O sucessor de Fabius ainda não foi anunciado, mas entre os nomes mais cotados para o posto estão a ministra da Ecologia e de Energia, Ségolène Royal -que é ex-mulher de Hollande-, o ex-primeiro-ministro Jean-Marc Ayrault e o atual secretário de Estado de Comércio Exterior, Matthias Fekl.
A substituição na chancelaria é um dos movimentos importantes na reforma ministerial que Hollande prepara e que deve ser anunciada antes do fim de semana para tentar melhorar a aprovação de seu governo antes das eleições presidenciais de 2017.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1882 · 03/12/2016

09 10 19 35 37 41