Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Coreia do Norte religou reator para a produção de plutônio, dizem EUA

Loading...

GERAL

Coreia do Norte religou reator para a produção de plutônio, dizem EUA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Coreia do Norte tem expandido uma instalação de enriquecimento de urânio e religou um reator de plutônio que poderia começar a recuperar material para armas nucleares em semanas ou meses, informou nesta terça (9) o chefe da inteligência EUA.
O anúncio ocorreu durante a avaliação anual feita por agências de inteligência dos EUA sobre os principais perigos enfrentados pelo país.
James Clapper disse também que os militantes islâmicos e aqueles inspirados pelo grupo Estado Islâmico continuarão a representar uma ameaça para os americanos -em território americano e no exterior-, que a Al-Qaeda continua sendo um inimigo e que os EUA continuarão a enfrentar ameaças cibernéticas da China, da Rússia e da Coreia do Norte.
O diretor da inteligência americana disse que Pyongyang anunciou em 2013 a intenção de reformar e reiniciar instalações nucleares, o que incluiria a instalação de enriquecimento de urânio em Yongbyon e o seu reator de produção de plutônio, que havia sido fechado em 2007.
Clapper informou que a inteligência americana descobriu que a instalação de Yongbyon foi expandida e que seu reator de produção de plutônio foi reiniciado.
SEMANAS
Ao iniciar sua apresentação ao Comitê de Serviços Armados do Senado, Clapper disse que a Coreia do Norte está operando o reator há tempo suficiente para que possa começar a recuperar o plutônio em questão de semanas ou meses.
Ambas as descobertas aprofundarão a preocupação de que a Coreia do Norte não só está fazendo avanços técnicos em seu programa de armas nucleares -explicitados com a recente explosão subterrânea e o lançamento de um foguete de longo alcance- como está trabalhando para expandir o que se acredita ser um um pequeno arsenal nuclear.
Especialistas baseados nos EUA estimam que a Coreia do Norte tenha cerca de 10 bombas e que esse número poderia crescer para entre 20 e 100 até 2020.
No domingo, a Coreia do Norte lançou um foguete que levou ao espaço um satélite de observação da Terra.
O lançamento seguiu uma explosão nuclear subterrânea -em 6 de janeiro- que a Coreia do Norte afirmou ter sido o teste bem-sucedido de uma bomba de hidrogênio em miniatura.
Clapper disse que a Coreia do Norte também está engajada no desenvolvimento de um míssil de longo alcance capaz de carregar armas nucleares, o que representaria uma ameaça direta para os Estados Unidos.
MILÍCIAS ISLÂMICAS
O diretor da inteligência dos EUA disse ainda que militantes islâmicos continuarão a ameaçar interesses norte-americanos no exterior e que ataques em solo americano serão a ameaça mais significativa de extremistas para os americanos em casa.
A percepção do sucesso de ataques de extremistas na Europa e na América do Norte -como os de Chattanooga e San Bernardino- pode motivar outros terroristas a replicarem atentados, disse o diretor.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 04/12

ONOFRE CIUFFI, 78 anos
TEREZINHA ARAUJO SOARES, 69 anos
ANGELINA MENEO PALUSSIO, 91 anos 
DIONISIO REMES, 60 anos
NATIMORTO, 0 anos
LINDOLFO HEINZ, 72 anos

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1882 · 03/12/2016

09 10 19 35 37 41